Quais são os sintomas clássicos da paixão? - Entretenimento

Versão mobile

 
 

Falando de Sexo19/06/2022 | 15h47Atualizada em 19/06/2022 | 15h48

Quais são os sintomas clássicos da paixão?

Quem está apaixonado vive uma explosão de sensações. Confira!

Quais são os sintomas clássicos da paixão? Reprodução / Reprodução/Reprodução
Foto: Reprodução / Reprodução / Reprodução
Lúcia Pesca e Andrea Alves

falandodesexo@diariogaucho.com.br

Conheci um cara, e combinamos muito! Ele é tudo de bom: gostoso, querido, bom de cama... Tenho vontade de ficar grudada nele dia e noite. Isso é paixão?

Nossa! E que baita paixão, hein! Quem está apaixonado vive uma explosão de sensações: euforia, alegria, medo, tesão, apreensão... Quando percebe, está sonhando acordado com o par. A pessoa apaixonada é capaz de passar a noite inteira em claro e, no outro dia, ter disposição para fazer suas atividades. 

Os apaixonados só enxergam as qualidades do parceiro, ignorando as características negativas. Além disso, é normal apresentar desatenção e ficar o tempo todo olhando ansiosamente para o celular, na espera de uma mensagem ou ligação. 

Reação química

Leia outras colunas

Apesar de associarmos a paixão ao coração, a flecha do cupido acerta primeiro o cérebro e provoca reações intensas. A paixão nos faz produzir substâncias químicas, que inundam o cérebro com estímulos que nos deixam extremamente otimistas.  

Estar apaixonado, segundo os pesquisadores, pode despertar sensações parecidas com formas de vício. Muitas vezes, não conseguimos identificar por que algumas pessoas mexem assim conosco, mas isso tem relação com a história de vida de cada um. 

Porém, a paixão com tal intensidade não pode durar muito tempo, pois o cérebro não consegue aguentar a exaltação contínua. Então, não é para sempre! Cientistas dizem que perdura em torno de um ano e meio. Com o tempo, a paixão vai diminuindo e, aí, o amor prevalece ou o casal acaba se separando.

 
 
 
 
 
 
 
Diário Gaúcho
Busca
clicRBS
Nova busca - outros