Na Turquia, Alex Telles usará a internet para acompanhar Grêmio x Juventude: "Que vença quem jogar melhor" - Grêmio - Esporte - Diário Gaúcho

Versão mobile

 
 

Coração dividido22/03/2014 | 15h01

Na Turquia, Alex Telles usará a internet para acompanhar Grêmio x Juventude: "Que vença quem jogar melhor"

Lateral já pensa em solução para ver em campo os antigos companheiros

Na Turquia, Alex Telles usará a internet para acompanhar Grêmio x Juventude: "Que vença quem jogar melhor" BEN STANSALL/AFP
Foto: BEN STANSALL / AFP
Luís Henrique Benfica

luis.benfica@zerohora.com.br

Já será noite na Turquia quando Grêmio e Juventude pisarem o gramado da Arena neste domingo para disputar uma vaga na semifinal do Gauchão.

A mais de 10 mil quilômetros de distância, em um ameno início de primavera, em que as temperaturas em Istambul oscilam entre 10 e 15 graus, Alex Telles buscará uma forma de acompanhar a partida. Como não haverá transmissão pela Globo Internacional, o lateral já pensa na internet como solução para ver em campo os antigos companheiros.

— De alguma forma, vou me conectar — avisa.

— São os dois clubes do meu coração.

Os fortes laços afetivos impedem palpites para o jogo, muito menos preferência por vencedor. Alex Telles passou quase seis anos no Juventude. Negociado com o Grêmio,  em um pacote que também incluiu Bressan e Ramiro, foi eleito o melhor lateral-esquerdo do Brasileirão 2013. Por isso, fica em cima do muro:

— Que vença quem jogar melhor.

Junto com os pais, Claudete e José Telles, que permanecerão ao seu lado por alguns dias na capital turca, Alex começa a se adaptar ao novo país. A tarefa é facilitada por um casal gaúcho, a quem conheceu no primeiro dia e que o apresentou à cidade. Também colaboram o volante Felipe Mello, o treinador de goleiros e companheiro de mate Taffarel, e o técnico Roberto Mancini, que praticamente impôs aos dirigentes sua contratação.

— Foi tudo muito rápido para mim. Mas me preparei, tive uma base familiar boa. Acho que estou no caminho certo — diz, orgulhoso da trajetória inicial, na qual só perdeu um jogo dos nove disputados.

Campeonatos como Gauchão, Libertadores, Copa do Brasil e Brasileirão foram substituídos, entre outros, pela Liga dos Campeões da Europa, que Telles acompanhava, até o ano passado, apenas pela televisão. O guri de Caxias do Sul, hoje com 21 anos, encantava-se com o glamour da principal competição entre clubes do planeta. E, como qualquer jogador brasileiro, sonhava em ser protagonista um dia. Por essa época, ainda tentava se adaptar ao Grêmio, onde havia chegado em dezembro de 2012.

Negociado em janeiro deste ano com o Galatasaray, Alex apresentou-se ao novo clube a tempo de ser inscrito para as oitavas de final da Liga. A aguardada estreia foi no 1 a 1 contra o Chelsea, em Istambul, dia 26 de fevereiro. A emoção, diz, será lembrada pelo resto da carreira.

— Quando tocou o hino da Liga dos Campeões, olhei para o local em que estavam os meus pais e me segurei para não chorar — conta.

Ainda não era tudo. Dia 9 de março, Alex marcou seu primeiro gol pelo clube turco. Foi contra o Akhisar, o segundo da goleada de 6 a 1 contra o Akhisar, em uma investida pelo lado esquerdo, qual um meia ofensivo, até desferir um violento chute de pé esquerdo. O passe foi do holandês Sneijder, um dos carrascos do Brasil na Copa de 2010, na África do Sul, a quem Alex Telles chama de Wesley.

— Jogando do lado dele, tudo pode acontecer — resume o lateral, encantado com a qualidade do companheiro.

O melhor veio depois. Por quatro vezes, como ocorre a cada gol do Galatasaray, o alto-falante do estádio gritou o nome de Alex Telles. Em cada uma delas, a torcida repetiu em coro.

— Foi demais, eles são fanáticos, apoiam o tempo todo - conta o lateral, que voltará ao Brasil no fim de maio, durante a parada da Copa do Mundo.

GAUCHÃO — QUARTAS DE FINAL — 23/3/2014

GRÊMIO
Marcelo Grohe; Pará, Werley, Rhodolfo, Wendell; Edinho, Ramiro, Riveros, Luan, Dudu; Barcos
Técnico: Enderson Moreira

JUVENTUDE
Fernando; Juliano, Rafael Pereira, Diogo, Julinho; Vacaria (Diogo Oliveira), Mika, Jardel, Yann; Douglas, Zulu
Técnico: Roger Machado

Horário: 16h
Arbitragem: Anderson Daronco, auxiliado por Alexandre Kleiniche e Maurício Penna.
Ingressos: Arquibancada Norte, R$ 30; Gramado Sul, R$ 40; Gramado Corner, R$ 50; Gramado Central Leste/Oeste, R$ 60; Gold Sul, R$ 100; Gold Corner, R$ 110; Gold Central, R$ 120; Superior Norte/Sul, R$ 40; Superior Corner, R$ 50; Superior Central, R$ 60; Superior (adversário), R$ 40.
Local: Arena do Grêmio.
O jogo no ar: a Rádio Gaúcha abre a jornada esportiva às 15h15min. A RBS TV transmite. Acompanhe o minuto a minuto em www.zerohora.com/jogoaovivo.

ZHESPORTES

 
 
 
 
Diário Gaúcho
Busca
clicRBS
Nova busca - outros