Pedro Ernesto: "Goleada maluca" - Grêmio - Esporte - Diário Gaúcho

Versão mobile

Coluna do Pedro09/06/2017 | 07h01Atualizada em 09/06/2017 | 07h02

Pedro Ernesto: "Goleada maluca"

Em jogo estranho, Grêmio deu show e goleou a Chapecoense

Pedro Ernesto: "Goleada maluca" Márcio Cunha/Especial
Foto: Márcio Cunha / Especial
Pedro Ernesto Denardin
Pedro Ernesto Denardin

pedro.ernesto@diariogaucho.com.br

Nove gols. Falhas dos goleiros. Decisões de árbitros atrás dos gols. Tudo muito estranho, mas que serve para caracterizar a excelência do Grêmio. Renato montou uma máquina. Atropela seus adversários. Michel fez dois gols, Éverton tocou três vezes na bola e fez três gols. O Grêmio dá provas que executa o melhor futebol do Brasil. Ninguém segura. O Gremio é show!

Fato mundial

Não está na nossa Seleção o grande fato do jogo desta manhã entre Brasil e Argentina. Muito mal classificados nas Eliminatórias da Copa do Mundo, correndo o risco de ficar fora da Rússia, os argentinos foram buscar Jorge Sampaoli. Confesso minha admiração por este profissional. Determinado, ele consegue fazer times maravilhosos. Foi com ele que o Chile acabou campeão da Copa América e está agora jogando a Copa das Confederações representando a América do Sul.

Mais do que ganhar, os chilenos comandados por Sampaoli mostraram um futebol pragmático, extremamente competitivo e muito bom de ser assistido. Sua passagem pela Europa, treinando o Sevilla, fez o time espanhol chegar à Liga dos Campeões. Sampaoli é o grande destaque do jogo desta manhã. Vamos acordar cedo para assistir.

MEIO-CAMPO

Não gosto da formulação que está sendo anunciada pelo Internacional para enfrentar o Náutico. Claro que deve ganhar o jogo, muito mais pela fragilidade do adversário. O time colorado volta a ter apenas três jogadores no meio-campo. Edenilson vai para a lateral direita, Fabinho fica no time ao lado de Rodrigo Dourado, tendo D'Alessandro mais à frente. Carlos é conservado no time e forma o ataque com Pottker e Nico López. Fica um time frágil e com meio-campo insatisfatório. Foi assim que Antônio Carlos sucumbiu.

RENOVAÇÃO

Contrariamente ao que se vem dizendo, a renovação de contrato de Luan não é fácil. Jair Peixoto, procurador do jogador, não quer aceitar a fixação do seu passe em 28 milhões de euros, o que é sugerido pelo Grêmio. Acontece que faltam apenas cinco meses para o jogador ter o direito de assinar um pré-contrato com outro time qualquer e isso representa uma faca no pescoço dos gremistas. Se não aparecer um comprador no meio de tudo isso, o Grêmio pode terminar amargando grande prejuízo.O Grêmio vem passando o carro em todos que se apresentam no seu caminho. Vive uma fase estupenda. Só que, na noite de hoje, o furo pode ser mais embaixo.

DIÁRIO GAÚCHO

 

Vídeos recomendados para você

 
 
 
Diário Gaúcho
Busca
clicRBS
Nova busca - outros