Pedro Ernesto: "Grêmio precisa superar seus limites físicos" - Grêmio - Esporte - Diário Gaúcho

Versão mobile

Coluna do Pedro28/06/2017 | 07h01Atualizada em 28/06/2017 | 07h01

Pedro Ernesto: "Grêmio precisa superar seus limites físicos"

A torcida pode ser diferencial contra o Atlético-PR. Um a zero é goleada

Pedro Ernesto: "Grêmio precisa superar seus limites físicos" Luís Henrique Benfica/
Foto: Luís Henrique Benfica
Pedro Ernesto Denardin
Pedro Ernesto Denardin

pedro.ernesto@diariogaucho.com.br

Ganhar do Atlético Paranaense, em plena recuperação e com quatro vitórias consecutivas, por si só já é uma tarefa gigantesca. Mas, além disso, o Grêmio precisa superar seus limites físicos. A repetição de jogos no meio e no final de semana estão levando os jogadores à exaustão.

Neste particular, o grau de exigência física no jogo de domingo contra o Corinthians remete o time a um grande desafio esta noite, na Arena, de vencer técnica e fisicamente o Furacão. O Grêmio é mais time, joga em casa, tem apoio da torcida, mas vai precisar pernas para superar toda realidade. A torcida pode ser diferencial. Um a zero é goleada.

VOLANTES

Contra o Brasil, em Pelotas, foram três volantes e ainda a recomposição de Sasha. O que se discute neste momento é se o time deve ser repetido em seu desenho tático. Eu acho que sim. Não é por acaso que que time colorado não levou gols nos últimos três jogos. Jogadores com capacidade de marcação dão proteção efetiva aos zagueiros e liberam D'Alessandro para construir jogadas e pifar companheiros. Charles está jogando muito, Sasha faz a recomposição, os volantes podem aparecer para fazer gols, os laterais também, e Brenner fica como referência a todos eles.

DEMORA

Preocupa o fato de Luan ainda não ter renovado com o Grêmio. Seu empresário entende que o mercado para o jogador não passa de 18 milhões de euros. O Grêmio quer mais, o impasse continua, e o tempo vai passando. O Santos deve estar perdendo Lucas Lima para o Barcelona por questões semelhantes. Acho que é hora da direção do Grêmio transigir para não ficar lambendo os dedos num futuro próximo. Vender Luan é ruim, mas perder o dinheiro do seu passe é muito pior.

DIÁRIO GAÚCHO

 

Vídeos recomendados para você

 
 
 

Notícias

Assine o RSS

Últimas

Mais lidas

Diário Gaúcho
Busca
clicRBS
Nova busca - outros