Cacalo: Jean Pyerre, o novo "Fita Métrica" - Grêmio - Esporte - Diário Gaúcho

Vers?o mobile

 
 

Paixão Tricolor12/06/2019 | 07h00Atualizada em 12/06/2019 | 07h00

Cacalo: Jean Pyerre, o novo "Fita Métrica"

Jogador tem características semelhantes a Sergio Lopes, atleta gremista nos anos 1960

Cacalo: Jean Pyerre, o novo "Fita Métrica" Lucas Uebel / Divulgação/Grêmio/Divulgação/Grêmio
Jean Pyerre deve estar em campo na partida do Grêmio desta quarta-feira, contra o Botafogo Foto: Lucas Uebel / Divulgação/Grêmio / Divulgação/Grêmio
Cacalo Silveira Martins
Cacalo Silveira Martins

cacalo@diariogaucho.com.br

 Acredito que a imensa maioria de torcedores gremistas e os analistas de um modo geral reconhecem no menino tricolor Jean Pyerre fundamentadas qualidades técnicas. É jovem, emergente, e tem tudo para se tornar um grande jogador. Mas, obviamente, dentro do seu estilo de jogar futebol. 

Leia mais
Botafogo x Grêmio: horário, como assistir e tudo sobre o jogo da nona rodada do Brasileirão
"Estou triste, mas as coisas vão voltar a funcionar", diz Tardelli sobre momento no Grêmio
Com treino de bola parada e portões fechados, Grêmio encerra preparação para enfrentar o Botafogo 

Imagino que não podemos exigir dele que saia dando carrinho na marcação, mesmo que eventualmente possa ser um bom ladrão de bola. No entanto, com a bola no pé, apresenta um toque refinado, preciso, oferecendo produtivas assistências a seus companheiros. Com o tempo, vai tendo um aprendizado que o qualificará ainda mais. 

Quero fazer uma digressão. Os mais antigos haverão de se lembrar. Na década de 1960, óbvio com outro tipo de futebol, o Grêmio teve um meia-esquerda semelhante à Jean Pyerre, inclusive no porte físico. Sergio Lopes, o Fita Métrica, era técnico, longilíneo e com passes muito precisos. Repito que eram outros tempos, mas quem sabe jogar futebol acaba por se adequar na própria partida e ao estilo atual. 

Alcançar a maturidade

Jean Pyerre, inclusive, parece ter mais força e mais entrada na área, pois joga um pouco mais adiantado. Acredito muito no desenvolvimento do menino, que logo vai alcançar a maturidade, tal qual Arthur consagrado e Matheus Henrique, esse já no caminho. Enquanto isso, vamos nos deliciando com seus extraordinários passes, como aquele dado a Pepê na última vitória.  

Ainda não tem o app Tricolor GaúchaZH? Acesse todas as informações sobre o Grêmio na palma da sua mão!

 
 
 
 
 
 
 
Diário Gaúcho
Busca
clicRBS
Nova busca - outros