Luciano Périco: que o susto contra o CSA tenha deixado uma lição para o Grêmio encarar a Chapecoense - Grêmio - Esporte - Diário Gaúcho

Vers?o mobile

 
 

Gigante da Galera10/11/2019 | 08h00Atualizada em 10/11/2019 | 08h00

Luciano Périco: que o susto contra o CSA tenha deixado uma lição para o Grêmio encarar a Chapecoense

Tricolor precisa entrar em campo focado durante os 90 minutos independente da posição que o adversário ocupa na tabela de classificação

Luciano Périco: que o susto contra o CSA tenha deixado uma lição para o Grêmio encarar a Chapecoense Lucas Uebel / Grêmio FBPA/Grêmio FBPA
Galhardo deve ser titular na lateral direita Foto: Lucas Uebel / Grêmio FBPA / Grêmio FBPA

Após o susto desnecessário contra o CSA, que quase custou a vitória, o Grêmio terá o desafio de encarar a Chapecoense na Arena Condá. Que tenha ficado a lição de que não há, no jargão do futebol, jogo jogado. Renato Portaluppi foi claro na entrevista coletiva pós-jogo, que o time gremista não vai ganhar quando bem entender, por decreto. 

Leia mais
Chapecoense x Grêmio: horário, como assistir e tudo sobre o jogo da 32ª rodada do Brasileirão
Histórico de muitos gols: relembre os confrontos entre Grêmio e Chapecoense na Arena Condá

É preciso ter foco durante os 90 minutos. Vacinar contra a soberba. Mais uma vez, o Tricolor entra em campo como favorito pela qualidade maior do que o time catarinense. Pensando no Flamengo, Maicon e Cortez forçaram o terceiro cartão amarelo e não viajam à Chapecó. 

A tendência é que Remato opte por Rômulo no meio-campo. Seria interessante ver Darlan. Juninho Capixaba é a escolha natural na lateral. E Léo Moura, com razão, será poupado.  

Ainda não tem o app Tricolor GaúchaZH? Acesse todas as informações sobre o Grêmio na palma da sua mão!

 
 
 
 
 
 
 
Diário Gaúcho
Busca
clicRBS
Nova busca - outros