Cacalo: Grêmio tem de se dar por satisfeito se conseguir manter seus craques - Grêmio - Esporte - Diário Gaúcho

Vers?o mobile

 
 

Paixão tricolor11/04/2020 | 10h00Atualizada em 11/04/2020 | 10h00

Cacalo: Grêmio tem de se dar por satisfeito se conseguir manter seus craques

Mesmo com o coronavírus, clube deverá receber propostas por seus jogadores na próxima janela

Cacalo: Grêmio tem de se dar por satisfeito se conseguir manter seus craques Lucas Uebel / Grêmio/Divulgação/Grêmio/Divulgação
Cebolinha é um dos jogadores mais cobiçados do elenco tricolor Foto: Lucas Uebel / Grêmio/Divulgação / Grêmio/Divulgação
Cacalo Silveira Martins
Cacalo Silveira Martins

cacalo@diariogaucho.com.br

Quando vivemos um momento de dificuldade por razões que todos sabemos, temos de ter consciência de enfrentarmos a realidade. Poderia estar me referindo à pandemia que assola o mundo e a qual devemos buscar conhecer um mínimo de ciência, pelas manifestações de médicos e cientistas. E a partir daí, convivermos com a verdade é sermos realistas. 

Leia mais
Empresário acredita em nova investida do futebol inglês por Everton: "Provável que sim"
Grêmio admite reduzir preço para negociar Everton
Grêmio admite sondagens do futebol italiano por Matheus Henrique

Passo para o futebol e, em face dos problemas sabidos que os clubes estão enfrentando, estaríamos totalmente distante da realidade, se formos, num momento como esse atual, pensarmos que nosso clube do coração está em busca de reforços. Pessoalmente, não creio nisso. 

Além de costumeira crise financeira, a pandemia alastrou o problema. Então, quando leio notícias que Cavani poderia vir, que Douglas Costa seria uma ótima solução, e realmente seria, ponho-me a raciocinar e percebo da total impossibilidade de contratações, especialmente caras, num período como estamos vivendo. 

Manter nossos craques atuais

Temos que nos dar por muito satisfeitos se conseguirmos manter nossos craques atuais, fugindo, se for possível, de um ataque do mercado europeu. Após passar toda essa crise, voltemos a pensar na nossa equipe, em eventuais reforços, porque agora sejamos realistas e vamos conviver com as dificuldades.

 
 
 
 
 
 
 
Diário Gaúcho
Busca