Cacalo: por que não gostei da proposta do Benfica por Everton - Grêmio - Esporte - Diário Gaúcho

Versão mobile

 
 

Paixão Tricolor05/08/2020 | 07h00Atualizada em 05/08/2020 | 07h00

Cacalo: por que não gostei da proposta do Benfica por Everton

Clube português teria oferecido 22 milhões de euros pelo atacante gremista

Cacalo: por que não gostei da proposta do Benfica por Everton Lucas Uebel / Grêmio FBPA/Grêmio FBPA
Por todas alegrias que deu ao torcedor gremista, Cebolinha merece jogar na Europa Foto: Lucas Uebel / Grêmio FBPA / Grêmio FBPA
Cacalo Silveira Martins
Cacalo Silveira Martins

cacalo@diariogaucho.com.br

Queria abordar somente o clássico Gre-Nal que decide, nesta quarta-feira (5), o segundo turno do Gauchão. Mas um fato me parece mais relevante neste momento. Refiro-me à crescente possibilidade da venda de Everton. Duas questões merecem ser examinadas: o tamanho da perda técnica do time, e a recompensa financeira do clube. 

Manifesto minha total contrariedade em relação à proposta que teria sido oferecida pelo Benfica, de pagar 22 milhões de euros em um período de cinco anos, o que considero um absurdo. Mesmo com garantias bancárias é inaceitável. 

Não me oponho à venda deste grande atleta, pensando no equilíbrio financeiro do clube. Mas não dessa forma. Equipes do centro do país transacionam atletas valores maiores, mesmo que não tenham ainda a consagração e o currículo de Everton. Penso que ao longo da negociação o Grêmio  poderá ajustar a proposta e ter um resultado satisfatório para todos. 

Leia mais
Juros altos, euro valorizado e venda de ex-Corinthians: a estratégia do Grêmio para aumentar lucro com Everton
Gre-Nal 426: horário, como acompanhar e detalhes da final do segundo turno do Gauchão

Por outro lado, a perda técnica é visível, mesmo que tenhamos Pepê, de contrato renovado. Mas por tudo aquilo que proporcionou à nação gremista, Everton merece jogar na Europa.

Finalmente, chego ao Gre-Nal. O Inter é favorito, está em melhor momento, mas os profissionais gremistas têm raça e técnica suficientes para superar eventuais dificuldades. Apesar das últimas más atuações, sempre acredito na força do tricolor.

 
 
 
 
 
 
 
Diário Gaúcho
Busca
clicRBS
Nova busca - outros