Cacalo: árbitros e VAR decidirão o Campeonato Brasileiro - Grêmio - Esporte - Diário Gaúcho

Versão mobile

 
 

Paixão Tricolor11/01/2021 | 07h00Atualizada em 11/01/2021 | 07h00

Cacalo: árbitros e VAR decidirão o Campeonato Brasileiro

Há um descritério em lances decisivos da competição

Cacalo: árbitros e VAR decidirão o Campeonato Brasileiro LUIS ACOSTA/AFP
Erros com recurso eletrônico são ainda mais graves Foto: LUIS ACOSTA / AFP
Cacalo Silveira Martins
Cacalo Silveira Martins

cacalo@diariogaucho.com.br

Não vou me furtar de abordar o empate gremista. Embora não tenha realizado uma grande atuação, o Grêmio jogou o suficiente para vencer o jogo contra o Fortaleza. Não teve destaques individuais e perdeu gols que não poderia perder. Daí, ficou no empate.

Mas tenho de focar naquilo que vai decidir o Brasileirão. Refiro-me às péssimas arbitragens do campeonato. Se ficássemos somente com erros de árbitros dentro do campo, talvez fosse suportável, e atribuíssemos a erros humanos. Mas estes erros são muitos, e corroborados pelas absurdas decisões do VAR.

O pênalti marcado e desmarcado contra o Palmeiras no jogo contra o Sport foi um dos maiores exemplos dos descritérios dos árbitros. Dependendo do clube e dos interesses, criam-se argumentos que se alteram rotineiramente.

Leia mais
Renato revela conversa com Pepê sobre permanência no Grêmio: "Não custa nada esperar mais dois meses"
"Quem tem que quebrar a cabeça é a CBF", diz dirigente do Palmeiras sobre indefinição das finais da Copa do Brasil contra o Grêmio

O atleta do Palmeiras estava com o braço aberto. Pênalti indiscutível. O árbitro marcou e, atrapalhado pelo VAR, desmarcou, sob o frágil argumento de que o atleta estava tentando retirar o braço. Dezenas de outros pênaltis semelhantes foram marcados. A decisão passa a ser muito subjetiva e terceirizada.

O que me preocupa, repito mais uma vez, são as decisões secretas, a falta de critérios e, por fim, a criação de critérios de acordo com a vontade dos árbitros e do VAR, diferentes uns dos outros. Até quando estaremos sujeitos a tantos desmandos e poderosos erros de arbitragens sem que haja a mínima tentativa de correção?

 
 
 
 
 
 
 
Diário Gaúcho
Busca
clicRBS
Nova busca - outros