Zé Alberto: Maicon já definiu seu principal objetivo no Grêmio - Grêmio - Esporte - Diário Gaúcho

Versão mobile

 
 

Foco14/01/2021 | 07h00Atualizada em 14/01/2021 | 07h00

Zé Alberto: Maicon já definiu seu principal objetivo no Grêmio

Volante, capitão e liderança do vestiário de Renato quer seguir escrevendo a história do Tricolor

Zé Alberto: Maicon já definiu seu principal objetivo no Grêmio Lucas Uebel / Divulgação/Grêmio/Divulgação/Grêmio
Maicon está no Grêmio desde 2015 e personifica o trabalho gremista desde as mudanças trazidas pelo técnico Roger Machado Foto: Lucas Uebel / Divulgação/Grêmio / Divulgação/Grêmio
José Alberto Andrade
José Alberto Andrade

ze.alberto@rdgaucha.com.br

Quem o conhece garante: Maicon tem apenas uma coisa em sua cabeça como objetivo imediato no Grêmio. Ele fará tudo e mais um pouco para estar em campo com condições ideais nas finais da Copa do Brasil. Por mais que haja chances até de título no Brasileirão e o ex-capitão gremista possa aparecer em campo a partir de amanhã contra o Palmeiras, a ordem é de não apressar nada.

Os que acompanham seus treinamentos e trabalhos físicos, ou os amigos que com ele conversam seguidamente garantem que há uma obsessão em estar em campo para a decisão que pode dar um hexacampeonato ao Tricolor.

Leia mais
Em 2019, Grêmio venceu Palmeiras e se classificou para a Libertadores; veja o que mudou nas equipes
Especulado no Grêmio, Claudinho renova contrato com o Bragantino até 2024
Andrés Geromel: o bebê que leva no nome homenagem a ídolos rivais

Maior liderança de grupo nestes últimos anos, o volante é um dos jogadores mais conscientes do grupo tricolor, capaz de fazer como em 2017, quando admitiu estar sem a condição ideal e sugeriu a Renato que transformasse em titular o então garoto Arthur. Quando está realmente bem, Maicon é um reforço gigantesco.

Injustiça 

O Palmeiras classificado para a final da Libertadores é a prova de que no futebol nem sempre vence o melhor. Somadas as atuações nas duas partidas contra o River, haveria vantagem de qualidade para os argentinos. O que conta, porém, são os gols marcados e isto é é que torna este esporte o número um do mundo.

Os palmeirenses foram efetivos em Buenos Aires e se valeram da vantagem para garantir a vaga, embora tentando entrega-la a todo o custo. Ficou para o futuro, em especial para o Grêmio, que o adversário na final da Copa do Brasil está longe de ser imbatível ou favorito na disputa.

 
 
 
 
 
 
 
Diário Gaúcho
Busca
Imprimir
clicRBS
Nova busca - outros