Cacalo: desafio do Grêmio será em dobro contra o Del Valle - Grêmio - Esporte - Diário Gaúcho

Versão mobile

 
 

Paixão Tricolor07/04/2021 | 09h00Atualizada em 07/04/2021 | 09h00

Cacalo: desafio do Grêmio será em dobro contra o Del Valle

Tricolor precisará superar a ausência de Renato Portaluppi para derrotar o adversário e botar o pé na fase de grupos da Libertadores

Cacalo: desafio do Grêmio será em dobro contra o Del Valle André Ávila / Agencia RBS/Agencia RBS
Ferreira (D) surge como esperança de gols Foto: André Ávila / Agencia RBS / Agencia RBS
Cacalo Silveira Martins
Cacalo Silveira Martins

cacalo@diariogaucho.com.br

O jogo da noite de sexta-feira (9), pela Libertadores, traz junto um enorme desafio ao elenco tricolor. Não bastassem as dificuldades inerentes à própria partida, pela força do adversário, o Grêmio ainda terá que enfrentar uma situação atípica em relação ao comando do time.

Refiro-me a forçada ausência do técnico Renato Portaluppi, acometido da maldita covid-19. Assim, os atletas gremistas precisarão ter capacidade emocional suficiente para enfrentar um adversário sem a presença do treinador. No entanto, é hora de medirmos profissionalismo e plenas condições de superação diante de um fato incomum como é o contágio do comandante.

Leia mais
Grêmio confirma dois novos casos de coronavírus no elenco
Romildo Bolzan aprova mudança de data do jogo do Grêmio pela Libertadores: "Medida prudente"
Jogo entre Grêmio e Independiente del Valle muda de data e é transferido para Assunção, no Paraguai

Felizmente, no entanto, as notícias são positivas em relação à recuperação de Renato. Está assintomático e tomando todos os cuidados. Passados estes dias de quarentena, sem dúvida logo estará de volta ao convívio no clube.

A par de todo esse turbilhão de problemas, penso que a equipe deverá ser a mesma do Gre-Nal, ou talvez, com no máximo uma alteração. Considerando a ausência de Maicon, disputam a vaga Lucas Silva e Darlan, ou quem  sabe os dois juntos ao lado de Matheus Henrique.

No ataque creio que começam o jogo os mesmos que iniciaram o clássico: Alisson, Diego Souza e Ferreira, e os meninos Léo  Chú, Léo Pereira e Ricardinho ficam atentos para entrarem na segunda etapa, se necessário. O que salta aos olhos do torcedor gremista é que o clube, em tese, possui atletas jovens que estão capacitados a vestir a camisa tricolor.

 
 
 
 
 
 
 
Diário Gaúcho
Busca
clicRBS
Nova busca - outros