Luciano Périco: a disputa mais acirrada por um lugar no Grêmio de Tiago Nunes - Grêmio - Esporte - Diário Gaúcho

Versão mobile

 
 

Em aberto12/05/2021 | 08h00Atualizada em 12/05/2021 | 08h00

Luciano Périco: a disputa mais acirrada por um lugar no Grêmio de Tiago Nunes

Com poucos jogos no comando, treinador ainda está definindo todos os titulares do Tricolor

Luciano Périco: a disputa mais acirrada por um lugar no Grêmio de Tiago Nunes Rodrigo Fatturi/Grêmio
Recuperado de lesão, Guilherme Azevedo entra na briga pela titularidade Foto: Rodrigo Fatturi / Grêmio

Com Renato Portaluppi, Alisson era o dono absoluto da posição pelo lado direito do ataque do Grêmio. Mesmo com baixa produtividade ofensiva, ele tinha lugar cativo na equipe pela qualidade ao recompor, ajudando na marcação. Após sofrer uma entrada violenta contra o La Equidad pela Sul-Americana, quando Tiago Nunes ainda estava observado antes de assumir, o camisa 23 teve lesão no tornozelo direito. Vai ficar pelo menos mais um mês no departamento médico. A situação abriu uma disputa pelo lugar.

Na estreia do novo treinador, contra o Ypiranga, Léo Pereira começou como titular e fez gol com muito oportunismo. O guri conseguiu repetir a dose na vitória sobre o Lanús na Argentina. Boa amostragem. Na etapa final, Luiz Fernando foi colocado por Tiago Nunes. Entrou bem na partida, dando um novo ritmo ao ataque. A vitória acabou vindo. Na primeira partida da semifinal do Gauchão contra o Caxias, de novo, Léo Pereira iniciou. Teve uma atuação discreta. Luiz Fernando entrou e também pouco apareceu.

Leia mais
Como estão os jogadores na lista do departamento médico em semana decisiva para o Grêmio
Vanderson comenta parceria com Rafinha: "Importante para o meu crescimento"
A correta estratégia de Tiago Nunes em semana decisiva para o Grêmio

Na goleada de 8 a 0 sobre o Aragua, da Venezuela, com todas as fragilidades do rival, Luiz Fernando teve grande atuação. Marcou dois gols, deu assistência e sofreu um pênalti. Na etapa final, entrou Guilherme Azevedo, outro postulante ao lugar. E no jogo de volta contra o Caxias, Tiago Nunes repetiu a escalação e a troca.

Chamou atenção que Gui Azevedo mostrou muita vontade, querendo mostrar serviço. De todas as opções, projeto que ele seja a melhor opção no momento para atuar pela direita do ataque. O guri somente acabou perdendo espaço, quando teve uma lesão muscular na coxa direita no duelo contra o São José em março. É a hora da retomada.

 
 
 
 
 
 
 
Diário Gaúcho
Busca
clicRBS
Nova busca - outros