Cacalo: a torcida do Grêmio pode ter esperança de que o time vai melhorar  - Grêmio - Esporte - Diário Gaúcho

Versão mobile

 
 

Paixão tricolor13/07/2021 | 08h00Atualizada em 13/07/2021 | 08h00

Cacalo: a torcida do Grêmio pode ter esperança de que o time vai melhorar 

Pela Sul-Americana, quero ter renovada a esperança de um bom resultado

Cacalo: a torcida do Grêmio pode ter esperança de que o time vai melhorar  Jefferson Botega / Agencia RBS/Agencia RBS
Na Sul-Americana, poderíamos jogar com quatro jogadores de meio-campo permitindo que Douglas Costa atuasse no ataque Foto: Jefferson Botega / Agencia RBS / Agencia RBS
Cacalo Silveira Martins
Cacalo Silveira Martins

cacalo@diariogaucho.com.br

Muito embora não tenha sido uma grande atuação no clássico Gre-Nal, penso que a torcida tricolor pode ter esperança de que o time vai melhorar. Nem tanto pela questão eminentemente técnica, propriamente dita, mas pelo retorno visível da dedicação plena e da entrega total por parte dos atletas gremistas. 

A situação do futebol era tão ruim que essa esperança não nos garante vitórias, mas, pelo menos por enquanto, vamos tentar evitar novas derrotas. Apesar dos vários desfalques para o jogo desta terça-feira (12), em Quito, pela Sul-Americana, quero ter renovada a esperança de um bom resultado. 

Kannemann e, provavelmente, Ruan, que deverá ser o substituto de Geromel, estarão jogando devidamente protegidos, como estiveram os dois zagueiros no Gre-Nal. Não sei quem será o substituto de Victor Bobsin, mas, certamente, será um meio-campista com capacidade de marcação.  

Leia mais
Diretor do Cruzeiro confirma procura do Grêmio por Fábio, mas afirma: "Não há possibilidade de ele sair"
LDU x Grêmio: horário, como assistir e tudo sobre o jogo das oitavas de final da Copa Sul-Americana
Enquanto o Grêmio segue busca por goleiro, Chapecó agradece confiança de Felipão: "Vou continuar trabalhando"

E não seria possível jogarmos com quatro jogadores específicos de meio-campo, permitindo que Douglas Costa jogue no ataque, ao lado do centroavante?  A equipe ficaria com o meio-campo povoado e reforçado na marcação, liberando Douglas Costa para o ataque. 

Isso poderia acontecer, inclusive, pela ausência de Ferreira. Com isso, pela sua capacidade de criação, Jean Pyerre poderia ser escalado como quarto homem na meia-cancha. Não podemos esquecer que, no momento atual, a vitória virá depois que aprendermos a não perder.

 
 
 
 
Diário Gaúcho
Busca
clicRBS
Nova busca - outros