Cacalo: faltam palavras para explicar a atuação do Grêmio contra o Sport - Grêmio - Esporte - Diário Gaúcho

Versão mobile

 
 

Paixão tricolor04/10/2021 | 07h00Atualizada em 04/10/2021 | 07h00

Cacalo: faltam palavras para explicar a atuação do Grêmio contra o Sport

O que me assusta é que temos bons jogadores, mas que não conseguem render

Cacalo: faltam palavras para explicar a atuação do Grêmio contra o Sport Jefferson Botega / Agencia RBS/Agencia RBS
Como gremista, sinto-me, de certa forma, envergonhado diante da situação Foto: Jefferson Botega / Agencia RBS / Agencia RBS
Cacalo Silveira Martins
Cacalo Silveira Martins

cacalo@diariogaucho.com.br

Infelizmente, com muita dor no coração, argumentei sobre os riscos dessa partida, na coluna do final da semana que passou. E não deu outra. Não há palavras que justifiquem a atuação gremista. 

O que me assusta é que há bons jogadores, mas que não conseguem render. E fico pensando: por que a equipe teve uma incrível doação nos minutos finais, marcou o seu gol, mas não consegue manter um ritmo tão forte durante todo o jogo? Por que não começam a partida com essa força que mostraram nos minutos finais? Por que administrar o jogo? 

Vamos para cima de qualquer adversário, principalmente em casa. Estou escrevendo palavras aleatórias, porque me faltam as verdadeiras sobre o jogo. Como gremista, sinto-me, de certa forma, envergonhado diante da situação. 

Leia mais
Na volta da torcida à Arena, Grêmio perde para o Sport e segue no Z-4 do Brasileirão
"Temos de provar que somos capazes de reverter a situação", diz Douglas Costa após derrota do Grêmio para o Sport
Da euforia à revolta: como o torcedor do Grêmio viveu a derrota para o Sport no reencontro com a Arena

Mas, o Grêmio sempre soube superar momentos difíceis, até piores do que este. E nada poderá afastar nosso amor, pois somos torcedores do clube e não de vitórias, tão somente.   Mesmo assim, não podemos deixar de reconhecer a péssima colocação da equipe no campeonato, assim como inúmeras más atuações, semelhantes a do último domingo (3). 

Fico raciocinando: como Hernanes, um atleta de 36 anos, consegue atuar toda a partida sem ter tido uma forte marcação. Por fim, algo tem de ser modificado. Confesso que não sei o que,  pois, hoje, sou um torcedor amargurado diante de tudo que estamos assistindo. 

 
 
 
 
 
 
 
Diário Gaúcho
Busca
clicRBS
Nova busca - outros