Neto Fagundes: "Não pode tirar a camiseta" - Inter - Esporte - Diário Gaúcho

Versão mobile

 

Paixão Colorada29/05/2018 | 08h12Atualizada em 29/05/2018 | 08h12

Neto Fagundes: "Não pode tirar a camiseta"

Se cada cartão amarelo por ficar sem o uniforme resultasse em multa aos atletas, nenhum jogador mostraria o abdome nas comemorações de gol

Neto Fagundes: "Não pode tirar a camiseta" Mateus Bruxel/Agencia RBS
Damião levou o terceiro amarelo por tirar a camisa no jogo de domingo e agora desfalcará o Inter na próxima rodada Foto: Mateus Bruxel / Agencia RBS

Tem algumas coisas que me enlouquecem no futebol e suas regras. Bola na mão e mão na bola não são a mesma coisa. Sim, são, mas na regra esse gesto se torna interpretativo. 

Se o braço estiver colado no corpo, não é infração. Mas aí é que vem a minha pergunta: alguém já viu algum jogador com o braço desgrudado do corpo? Eu não, mas está na regra.

 Daí, o juiz escolhe se dá ou não o pênalti naquele momento em que o zagueiro quase enforca o atacante na hora do escanteio, gerando reclamações e atritos durante a partida. Aquele agarra na área é uma várzea. 

Tenho amigos que defendem até o lateral com o pé, como no futsal. Sustentam que a partida ganharia em emoção, e a bola seria menos jogada para fora. 

Mas, por enquanto, vamos cumprir a regra vigente, e nela está escrito que todos os atletas terão de permanecer com o uniforme durante toda a partida. Os patrocinadores querem que eles estejam até depois do jogo usando-o, pois ali estão os apoiadores que ajudam a pagar aquelas contas muitas vezes milionárias dos atletas. 

Só mesmo com punições que mexam no bolso é que os jogadores pensarão melhor antes de arrancar a camiseta na hora da comemoração do gol e, com isso, levar um cartão de graça, comprometendo todo o planejamento. 

Só no Carnaval

Se tirar a camiseta e levar um cartão custasse R$ 10 mil para a caixinha dos atletas, tenho a certeza de que ninguém mostraria o abdome definido depois de marcar um gol. 

Lembrem os jogadores de que só durante o Carnaval é que está liberado ficar sem camisa. No jogo, é cartão amarelo. Se já tem cartão, é rua. Como diria o Arnaldo Cézar Coelho, a regra é clara: NÃO PODE TIRAR A CAMISETA.

 
 
 
 
 
 
 
Diário Gaúcho
Busca
clicRBS
Nova busca - outros