Neto Fagundes: "Quem vai decidir a Copa é o juiz" - Inter - Esporte - Diário Gaúcho

Versão mobile

 

Paixão colorada18/06/2018 | 07h00Atualizada em 19/06/2018 | 18h26

Neto Fagundes: "Quem vai decidir a Copa é o juiz"

Uma jogada na qual as imagens deixam claro que houve falta no nosso zagueiro, e o juiz não quis marcar, me faz repensar na utilidade do árbitro de vídeo

Neto Fagundes: "Quem vai decidir a Copa é o juiz" Jewel SAMAD/AFP
O árbitro mexicano de Brasil x Suíça, César Ramos Foto: Jewel SAMAD / AFP

A nossa primeira partida da Copa deu empate, graças ao juiz que, muito perto da jogada, não deu a falta no nosso zagueiro no gol de empate da Suíça. Sabemos que não foi o melhor jogo do nosso time, mas também não foi o pior. Temos que correr mais no restante da Copa e nos darmos conta de que todos sabem a nossa maneira de jogar. 

A cabeça de quem comanda é diferente de quem apenas assiste ao jogo. A velha história se repete: quem está fora será sempre melhor do que aquele que entra, e sabemos que não é bem assim. 

Leia mais:
Cotação GZH: veja as notas dos jogadores do Brasil no empate com a Suíça  
Os lances polêmicos da arbitragem de Brasil e Suíça
Brasil larga na frente, mas empata com a Suíça em estreia na Copa 

Temos um bom time, o goleiro que saiu do Beira-Rio é o nosso representante, mas em uma competição curta como a Copa do Mundo, não dá para errar, e é bom não empatar. Uma jogada na qual as imagens deixam claro que houve falta no nosso zagueiro, e o juiz não quis marcar, me faz repensar na utilidade desse serviço. É o próprio juiz quem escolhe se as imagens serão decisivas, e acho que se eu estivesse no lugar dele e errasse, também não pediria as imagens que pudessem comprovar o meu erro. 

Por mim, não precisa árbitro de vídeo, quem vai decidir realmente a Copa é o juiz.

 Economize nas suas compras com cupons de desconto 

 
 
 
 
 
 
 
Diário Gaúcho
Busca
clicRBS
Nova busca - outros