Lelê Bortholacci: "Aberta a temporada de especulações" - Inter - Esporte - Diário Gaúcho

Versão mobile

 

Paixão colorada28/11/2018 | 07h00Atualizada em 28/11/2018 | 07h00

Lelê Bortholacci: "Aberta a temporada de especulações"

Assunto que domina as conversas dos colorados é a temporada de 2019

Lelê Bortholacci: "Aberta a temporada de especulações" RICARDO DUARTE/INTER / DIVULGAÇÃO
Um dos temas comentados é a possível saída de Rossi do clube Foto: RICARDO DUARTE / INTER / DIVULGAÇÃO
Lelê Bortholacci
Lelê Bortholacci

lele@atlantida.com.br

Mesmo que ainda reste uma rodada para a bola rolar e um jogo nosso em Curitiba, contra o Paraná, o assunto que domina as conversas dos colorados é a temporada de 2019. Quem fica? Quem sai? Quem chega? 

Leia mais
Permanência de atacantes é a prioridade do Inter para o grupo de 2019
Tempo de contrato e data para o anúncio: os detalhes sobre a renovação de Odair com o Inter
Pottker admite oscilação, lamenta lesões e comemora ano do Inter

As especulações, dessa vez, começaram envolvendo o clube fora do campo: o executivo Rodrigo Caetano, considerado por muitos como peça fundamental no acerto do rumo a partir do meio da temporada, teria recebido proposta para trocar Porto Alegre por Belo Horizonte, mais precisamente o Inter pelo Atlético-MG. O presidente Marcelo Medeiros disse que ele fica. Acho difícil um executivo trocar um trabalho que já está em (bom) andamento e com ótimas perspectivas de resultado por um recomeço.

Dentro do campo, já se fala que Rossi não deve permanecer. Importante deixar claro que estamos falando de especulações, apenas. E preparem-se, pois, a partir da semana que vem, com o fim do Brasileirão, essas projeções só tendem a aumentar.

Fiasco sem fim

A final da Libertadores de 2018, entre River e Boca, citada por muitos como a "final dos sonhos" da competição, parece que será realizada no Paraguai, mas segue sem data e local definidos e vai se transformando num mico do tamanho do continente. 

A incompetência das autoridades argentinas e dos dirigentes da Conmebol vai refletir negativamente na intenção do país de receber a Copa do Mundo de 2030 — junto com o Uruguai — na edição que comemorará os 100 anos do maior torneio de futebol do planeta.

 
 
 
 
 
 
 
Diário Gaúcho
Busca
clicRBS
Nova busca - outros