Lelê Bortholacci: "Necessidade de somar mais qualidade ao atual grupo é uma unanimidade" - Inter - Esporte - Diário Gaúcho

Vers?o mobile

 
 

Paixão colorada14/12/2018 | 07h00

Lelê Bortholacci: "Necessidade de somar mais qualidade ao atual grupo é uma unanimidade"

Para o Inter conquistar títulos no ano que vem é preciso reforçar o time

Lelê Bortholacci: "Necessidade de somar mais qualidade ao atual grupo é uma unanimidade" Isadora Neumann/Agencia RBS
Está na hora de a direção colorada dar mais opções para Odair Foto: Isadora Neumann / Agencia RBS
Lelê Bortholacci
Lelê Bortholacci

lele@atlantida.com.br

Os dias passam, e a falta da confirmação de reforços deixa alguns colorados tensos. A necessidade de somar mais qualidade ao atual grupo, visando à conquista de títulos em 2019, é uma unanimidade.

Leia mais
Leandro Damião deverá jogar em time inspirado no Grêmio
Inter encaminha acerto com Fluminense e Wellington Silva deve permanecer em 2019
Alvo do Inter, Luiz Adriano é titular na eliminação do Spartak na Liga Europa

Com a saída de Fabiano e a lesão de Dudu, estamos sem lateral-direito. Há Zeca, mas tenho minhas dúvidas se ele será utilizado ali. Na quinta-feira (13), surgiram especulações de interesses em Uendel e Iago. Ficaríamos sem os dois laterais-esquerdos. Damião já se foi, ou seja, precisamos de um centroavante para se juntar a Jonatan Alvez — que só tem contrato até o meio do ano e não teve sequência de boas atuações — e Guerrero, que só deverá readquirir ritmo de jogo justamente na metade da temporada.

No meio, precisamos de mais opções para a frente da área e para a articulação que, somadas ao que já temos, deem a Odair Hellmann as melhores condições para um ano "cheio" como o próximo. Na próxima segunda-feira, tem o sorteio da Libertadores. A definição dos adversários pode aumentar ainda mais essa necessidade. Nosso 2019 já começou.

Um dia especial

O 14 de dezembro é um dia muito especial para nós, colorados. Foi neste dia, em 1975, que o Internacional colocou o Rio Grande do Sul no mapa do futebol nacional, vencendo o Cruzeiro com o gol iluminado de Elías Figueroa, na final do Brasileirão daquele ano.

A partir desse dia, o resto do país começou a olhar de maneira diferente para o futebol gaúcho. Foi nosso primeiro grande título. Uma data inesquecível!

 
 
 
 
 
 
 
Diário Gaúcho
Busca
clicRBS
Nova busca - outros