Lelê Bortholacci: Inter ainda está vivo na Copa do Brasil - Inter - Esporte - Diário Gaúcho

Vers?o mobile

 
 

Paixão Colorada12/07/2019 | 07h00Atualizada em 12/07/2019 | 07h00

Lelê Bortholacci: Inter ainda está vivo na Copa do Brasil

Colorado perdeu a partida de ida por 1 a 0, em São Paulo

Lelê Bortholacci: Inter ainda está vivo na Copa do Brasil Ricardo Duarte/Inter,Divulgação
D'Alessandro deve ser titular na partida de volta Foto: Ricardo Duarte / Inter,Divulgação
Lelê Bortholacci
Lelê Bortholacci

lele@atlantida.com.br

Como era de se esperar, a torcida colocou na conta de Odair Hellmann a derrota para o Palmeiras. A falta de agressividade do time, a pouquíssima produção ofensiva e a opção por deixar D'Alessandro no banco formam um conjunto de argumentos difícil de responder. Mas acredito que, se havia alguma derrota "dentro dos planos", foi justamente a que ocorreu: por diferença mínima. E, convenhamos, não tem nada fora do normal perder para o Palmeiras no Allianz Parque por 1 a 0.

Leia mais
Para avançar no tempo normal, Inter precisará quebrar marca do Palmeiras que dura nove meses
FOTO: Inter retorna a Porto Alegre após derrota para o Palmeiras
Guerrero e D'Alessandro não devem enfrentar o Athletico-PR

O que me preocupou mesmo foi a atuação como um todo, onde nada funcionou bem, todas as individualidades estiveram abaixo do que podem apresentar e em momento algum levamos perigo ao gol deles. Mas eu sou otimista, vamos lá, os outros 90 minutos são na nossa casa, onde temos excelente aproveitamento e todos nossos jogadores rendem mais.

D'Alessandro deve sair jogando, a arbitragem não será submissa aos jogadores do Palmeiras – no jogo de quarta, Felipe Melo segurou uma bola para atrasar o jogo, Sobis a arrancou das mãos dele para bater rápido a falta e o juiz deu amarelo para o... Sobis – e teremos a força da nossa torcida. Foi uma atuação ruim, mas voltamos em plenas condições de reverter. É difícil, mas bem longe de ser impossível.

Diferente longe de casa

A mudança de postura nos jogos fora de casa deve ser prioridade para Odair Hellmann. Em caráter imediato. E isso deve começar já no domingo, contra o Athletico-PR.

Entendo que o jogo contra o Palmeiras não era a melhor oportunidade para isso. Entrar "faceirinho" contra um time que não perde um jogo em casa há cinco meses teria sido fatal, e hoje estaríamos virtualmente eliminados da Copa do Brasil

Ainda não tem o app Colorado GaúchaZH? Acesse todas as informações sobre o Inter na palma da sua mão! 

 
 
 
 
 
 
 
Diário Gaúcho
Busca
clicRBS
Nova busca - outros