Lelê Bortholacci: reconstrução do Inter tem resultados positivos na base - Inter - Esporte - Diário Gaúcho

Vers?o mobile

 
 

PAIXÃO COLORADA02/07/2019 | 07h00Atualizada em 02/07/2019 | 07h00

Lelê Bortholacci: reconstrução do Inter tem resultados positivos na base

Meninas do sub-18 e meninos do sub-20 conquistaram o Gauchão de suas respectivas categorias

Lelê Bortholacci: reconstrução do Inter tem resultados positivos na base Mariana Capra/Inter
Time Sub-20 do Inter conquistou o Gauchão da categoria no último domingo Foto: Mariana Capra / Inter
Lelê Bortholacci
Lelê Bortholacci

lele@atlantida.com.br

E a base, vem como?

Muito bem, obrigado. O final de semana foi de títulos do Inter. As meninas do sub-18 e os meninos do sub-20 conquistaram o Campeonato Gaúcho em suas respectivas categorias.

Leia mais
Com Moledo em campo, Inter faz primeira atividade no CT após retorno de Atibaia
Zeca destaca retorno de Moledo ao Inter e projeta duelo difícil com o Palmeiras
Inter ganha fôlego com negociações de jogadores que não estão no Beira-Rio

Se a reconstrução do clube também apresenta resultados positivos nas categorias de base, que foi fortemente criticada pouco tempo atrás, é porque as coisas estão realmente voltando ao normal. Parabéns aos envolvidos.

Noite de gala

Não é todo dia que o chamado Superclássico decide uma vaga na final da maior competição entre seleções do continente. Melhor do que isso, só se fosse na final mesmo. Brasil e Argentina entram em campo hoje à noite, no Mineirão, para um duelo daqueles. Pouco importa se as duas equipes ainda não encheram os olhos de quem está acompanhando a Copa América. É Brasil contra Argentina. São os donos da casa contra o melhor do mundo. É briga de cachorro grande!

Se de um lado a pressão pelo título está sob Tite e seus comandados, o jejum de 26 anos sem qualquer conquista incomoda — e muito — os hermanos. Da última vez em que se encontraram num jogo oficial, no mesmo Mineirão, pelas eliminatórias da Copa de 2018, eles nem viram a cor da bola. O Brasil fez 3 a 0, fora o chocolate.

E olha que aquela seleção argentina, pelo menos no papel, era bem mais qualificada do que esta. Certamente estão mordidos com isso. Se este grupo de jogadores argentinos tem uma oportunidade de ouro de calar seus críticos, ela é no jogo de hoje à noite. O Brasil é favorito? Sem dúvida. Mas nunca, em hipótese alguma, considere a seleção argentina uma presa fácil.

Ainda não tem o app Colorado GaúchaZH? Acesse todas as informações sobre o Inter na palma da sua mão!  

 
 
 
 
 
 
 
Diário Gaúcho
Busca
clicRBS
Nova busca - outros