Lelê Bortholacci: Inter já tem seu primeiro desafio definido para a volta da Libertadores - Inter - Esporte - Diário Gaúcho

Vers?o mobile

 
 

Paixão colorada27/05/2020 | 08h00Atualizada em 27/05/2020 | 08h00

Lelê Bortholacci: Inter já tem seu primeiro desafio definido para a volta da Libertadores

Suspensão da Conmebol complicou a vida de Eduardo Coudet suspendendo três titulares

Lelê Bortholacci: Inter já tem seu primeiro desafio definido para a volta da Libertadores Marco Favero/Agencia RBS
"El chacho" precisará tomar sábias decisões para substituir Moisés, Musto e Edenilson Foto: Marco Favero / Agencia RBS
Lelê Bortholacci
Lelê Bortholacci

lele@atlantida.com.br

Se a Libertadores for retomada, Eduardo Coudet já sabe que terá problemas bem sérios para resolver. Sei que é cedo pra falar nisso, mas as previstas punições a nossos atletas pela confusão no Gre-Nal vão complicar bastante a escalação para os próximos jogos do Inter

Leia mais
Instituto do Câncer Infantil vende 3 mil máscaras em ação com D'Alessandro para arrecadar fundos
Inter instala cabine de sanitização no CT Parque Gigante
Fabiano convoca ex-jogadores do Inter para sortear camisas e doar cestas básicas

Sim, eu sei que a Conmebol quer de todas as formas retomar a Libertadores 2020, mas isso depende exclusivamente do status da pandemia de coronavírus em nosso continente nos próximos meses. Considerando que somos o atual epicentro mundial, as perspectivas não são muito boas.

Mas, voltando ao futebol, nenhum treinador gosta de perder três titulares de uma vez só. E, por isso, o treinador argentino vai ter que mostrar que já conhece bem o grupo colorado para que o time sinta o menos possível as perdas. 

Pelo menos, tempo ele terá para treinar. Aliás, se tem uma reclamação que não veremos dos treinadores em 2020 é a da falta de tempo para treinamentos, não é mesmo?

Acerto da diretoria

O que não é cedo para se tratar é a renovação/prorrogação de contratos dos atletas do nosso grupo principal. Age muito bem a diretoria em já ir acertando os detalhes para que os contratos que terminariam em dezembro sejam reajustados até meados de 2021, quando, muito provavelmente, terminarão as grandes competições que serão retomadas ou iniciadas neste tumultuado 2020.

 
 
 
 
 
 
 
Diário Gaúcho
Busca
clicRBS
Nova busca - outros