Guerrinha: Inter precisa ter calma com retorno de Rodrigo Dourado ao time - Inter - Esporte - Diário Gaúcho

Versão mobile

 
 

Devagar05/06/2020 | 08h01Atualizada em 05/06/2020 | 08h01

Guerrinha: Inter precisa ter calma com retorno de Rodrigo Dourado ao time

Volante está em fase final de recuperação de grave lesão no joelho

Guerrinha: Inter precisa ter calma com retorno de Rodrigo Dourado ao time Ricardo Duarte/Internacional/Divulgação
Jogador renovou contrato com o clube até o final de 2022 Foto: Ricardo Duarte / Internacional/Divulgação

 Nada de pressa no Inter. Afastado dos treinos e dos jogos há muito tempo, o menino Rodrigo Dourado deve estar feliz da vida com o recomeço da rotina na sua vida de jogador de futebol.

É bom salientar, porém, que são apenas os primeiros, mas muito importantes passos de um trabalho que não é simples, onde tudo é planejado. A atividade ainda é sem bola e não há data no calendário para vestir a camisa oficial, entrar em campo e trabalhar normalmente.

PREVISÃO — Tudo depende dos próximos dias. No seu papel, Luciano Hocsman, presidente da federação, faz previsão de que o nosso Gauchão possa voltar a ser disputado em 15 de julho. Se a coisa seguir como está, com a situação sob controle, não é de duvidar.

Leia mais
Aulas de japonês, família e elenco de parceiros: Thiago Galhardo fala da carreira e do momento no Inter
Veja a posição dos clubes sobre a proposta da FGF de retomar o Gauchão em 15 de julho
Próximo de completar quinta semana de atividades, Inter mantém cronograma de treinamentos

Perguntinha

Futebol sem público tem graça?

 
 
 
 
 
 
 
Diário Gaúcho
Busca
clicRBS
Nova busca - outros