Lelê Bortholacci: overdose após a abstinência - Inter - Esporte - Diário Gaúcho

Vers?o mobile

 
 

Paixao Colorada09/07/2020 | 18h56Atualizada em 09/07/2020 | 18h56

Lelê Bortholacci: overdose após a abstinência

Vá se acostumando, pois teremos jogos durante o período das festas de fim de ano e no tenso verão gaúcho

Lelê Bortholacci: overdose após a abstinência Marco Favero/Agencia RBS
Última jogo disputado pelo Inter de Coudet foi em março Foto: Marco Favero / Agencia RBS
Lelê Bortholacci
Lelê Bortholacci

lele@atlantida.com.br

O que era apenas uma forte possibilidade, agora é realidade: o Gauchão volta ainda em julho, e o Campeonato Brasileiro vai mesmo acontecer. Começará em agosto e só terminará em fevereiro de 2021. Não será a primeira vez. O Inter foi vice-campeão brasileiro em fevereiro de 1989, mas o campeonato era o de 1988. 

Neste 2020 completamente atípico — e que mexeu com o calendário do futebol no mundo todo — nada mais pode ser recebido com espanto. Vá se acostumando, pois teremos jogos durante o período das festas de fim de ano e no tenso verão gaúcho. Gre-Nal em janeiro? Sim. Também teremos. Simultaneamente, voltará também a Copa do Brasil. 

O novo calendário divulgado pela CBF ainda reservou datas para uma possível volta da Libertadores. E tudo isso, claro, sem torcida. O que já estamos vendo nos campeonatos europeus vai acontecer aqui: a bola rolando, os estádios vazios e as torcidas acompanhando tudo apenas pela TV e pelo rádio. Cada um na sua casa. 

Leia mais
Governo do Estado autoriza, e Gauchão voltará no dia 23 de julho
Estreia contra o Coritiba e Gre-Nal no Beira-Rio em janeiro: confira a tabela do Inter no Brasileirão  

É diferente. É estranho. Mas é a única possibilidade para que os principais campeonatos do esporte mais popular do país voltem a acontecer. Será uma verdadeira overdose de futebol, logo após a mais longa abstinência já vivida, pelo menos pra minha geração. A bola, finalmente, vai rolar.

 
 
 
 
 
 
 
Diário Gaúcho
Busca
clicRBS
Nova busca - outros