Luciano Périco: a justa titularidade no Inter de Eduardo Coudet - Inter - Esporte - Diário Gaúcho

Vers?o mobile

 
 

Melhor opção31/07/2020 | 10h00Atualizada em 31/07/2020 | 10h00

Luciano Périco: a justa titularidade no Inter de Eduardo Coudet

Na busca de um parceiro para Guerrero, treinador colorado encontrou a solução

Luciano Périco: a justa titularidade no Inter de Eduardo Coudet Marco Favero/Agencia RBS
Eduardo Coudet encontrou uma forma eficiente de abastecer o centroavante Guerrero Foto: Marco Favero / Agencia RBS

A principal dificuldade de Eduardo Coudet era encontrar uma forma eficiente de abastecer o homem de referência do ataque. A solidão de Guerrero dificulta a tarefa do time do Inter de fazer gols. Ficou comprovado que a escalação de D’Alessandro como um segundo atacante não é a melhor alternativa. 

É consenso que o camisa 10 tem que atuar como criador das principais jogadas da equipe colorada. Neste aspecto, D’Ale é imbatível. Deveria ser mantido no time na vaga de Marcos Guilherme, que tem demonstrado uma intensidade sem grandes consequências. Porém, todos os sinais indicam que Coudet já definiu que, na atual conjuntura, o gringo fica como opção no banco de reservas. 

Thiago Galhardo chegou em janeiro credenciado por uma boa temporada no Ceará. Foi a melhor contratação efetuada pelo departamento de futebol do Inter para 2020. Pode atuar como meia e atacante. 

Leia mais
Saravia elogia gramado do CT,  mas quer jogar no Beira-Rio: "Vai nos fazer muito mais fortes"
Inter escolhe consórcio de produtoras gaúchas para gestão do Gigantinho até 2040
Os times ideais de Renato e Coudet já são conhecidos

De cara, mostrou totais condições de ser titular. Até agora, já esteve presente em 14 jogos, marcando quatro gols. Além disso, é um personagem importante nas assistências, principalmente para Guerrero. Com Galhardo na equipe, foram três jogos e o atacante peruano fez quatro gols. 

 
 
 
 
 
 
 
Diário Gaúcho
Busca
clicRBS
Nova busca - outros