Lelê Bortholacci: só o jogo seguinte importa para o Inter - Inter - Esporte - Diário Gaúcho

Versão mobile

 
 

Passo a passo09/02/2021 | 09h00Atualizada em 09/02/2021 | 09h00

Lelê Bortholacci: só o jogo seguinte importa para o Inter

Ainda há muito em disputa no campeonato e é preciso manter o foco

Lelê Bortholacci: só o jogo seguinte importa para o Inter Isadora Neumann/Agencia RBS
Quarta-feira (10), Inter, de Yuri Alberto, joga contra o Sport, no Beira-Rio Foto: Isadora Neumann / Agencia RBS
Lelê Bortholacci
Lelê Bortholacci

lele@atlantida.com.br

Assim como achei bem normal nosso empate com o Athletico-PR, em Curitiba, não me espantei com o resultado de Red Bull Bragantino e Flamengo, no domingo (7). Ambos mandantes são equipes que se ajustaram no segundo turno e fazem campanhas bem semelhantes as dos que ainda disputam o titulo. 

Mas o ponto conquistado pela equipe de Bragança Paulista não ajudou o Internacional apenas nesta rodada. Ele pode ter complicado ainda mais a vida do Flamengo. Com o empate, o Red Bull Bragantino chegou à mesma pontuação do Corinthians (48) e passou a ser mais um concorrente direto na disputa pelas vagas à pré-Libertadores, mesmo com dois jogos a mais. 

Essa briga inclui, também, o Santos, com 47, o Athletico-PR e o Atlético-GO, os dois com 46, e o Ceará, com 45. Ou seja, o Corinthians precisa somar pontos e desgrudar desse pelotão. E sabe contra quem é o próximo jogo do Flamengo? 

Leia mais
Com tropeço do Flamengo, Inter pode ser campeão brasileiro neste domingo
Camisa 10, contraproposta e nova reunião: a situação das tratativas entre Inter e Taison
Em que estágio estão as recuperações de Saravia e Boschilia no Inter

Exatamente contra o Corinthians, no domingo (14)! Importante, também, salientar que nosso último jogo no campeonato é justamente contra o Corinthians, ou seja, ele pode valer muito para os paulistas.

Engana-se quem acredita que as rodadas finais do Brasileirão terão muitos times desinteressados. Há muita coisa ainda em disputa. Por isso, a importância do foco total e da concentração em fazermos a nossa parte sempre no jogo seguinte. É só ele que importa.

 
 
 
 
 
 
 
Diário Gaúcho
Busca
Imprimir
clicRBS
Nova busca - outros