Lelê Bortholacci: de volta ao Beira-Rio, Aguirre tem uma parada duríssima pela frente - Inter - Esporte - Diário Gaúcho

Versão mobile

 
 

Paixão Colorada30/06/2021 | 07h00Atualizada em 30/06/2021 | 07h00

Lelê Bortholacci: de volta ao Beira-Rio, Aguirre tem uma parada duríssima pela frente

Inter enfrenta o Palmeiras pela oitava rodada do Brasileirão

Lelê Bortholacci: de volta ao Beira-Rio, Aguirre tem uma parada duríssima pela frente Ricardo Duarte / Internacional / Divulgação/Internacional / Divulgação
Aguirre está invicto no Inter Foto: Ricardo Duarte / Internacional / Divulgação / Internacional / Divulgação
Lelê Bortholacci
Lelê Bortholacci

lele@atlantida.com.br

Depois de dois resultados satisfatórios fora de casa — muito mais pelo histórico contra os adversários do que pela qualidade deles —, o Inter volta ao Beira-Rio pra encarar seu maior desafio até agora no Brasileirão. 

Mesmo que esteja apresentando muito menos do que o esperado, o Palmeiras segue sendo um dos principais favoritos ao título, diferentemente da ampla maioria dos times que já enfrentamos no campeonato. 

Aguirre não poderia ter um teste mais difícil na sua volta ao Beira-Rio como técnico colorado. Por outro lado, vale lembrar que o poderoso time de Abel Ferreira não conseguiu nos vencer no Brasileirão do ano passado. A dificuldade do enfrentamento — somada à situação atrasada na tabela — não da outra alternativa ao nosso treinador que não a de escalar o que temos de melhor a disposição. 

Leia mais
Inter x Palmeiras: horário, como assistir e tudo sobre o jogo da oitava rodada do Brasileirão
"Algumas possíveis contratações ainda podem acontecer", diz Aguirre
O que falta para o Inter regularizar Paulo Victor e Bruno Méndez

Uma vitória num jogo como esse, além de dar ao grupo uma moral que ha tempos não tem, nos levaria a um grande salto na tabela podendo até parar no G-6 dependendo, claro, dos demais resultados da rodada.

Apesar das diversas dificuldades que esse grupo de jogadores tem em momentos decisivos, não podemos reclamar de suas atuações contra os considerados melhores times do país. Pelo menos se tratando de Flamengo e Palmeiras, sempre foram disputas equilibradas e que, se não terminaram em vitórias e/ou classificações, honraram a camisa colorada. 

Que esta noite de reestreia de Aguirre em nossa casa seja mais uma delas. E com vitória. Vamos, Inter! 

 
 
 
 
Diário Gaúcho
Busca
clicRBS
Nova busca - outros