Luciano Périco: a arma secreta do Inter para encarar o Gre-Nal - Inter - Esporte - Diário Gaúcho

Versão mobile

 
 

Retorno10/07/2021 | 07h00Atualizada em 10/07/2021 | 07h00

Luciano Périco: a arma secreta do Inter para encarar o Gre-Nal

Colorado pode ter a volta de um titular importante no clássico 433

Luciano Périco: a arma secreta do Inter para encarar o Gre-Nal Ricardo Duarte / Inter/Inter
Recuperado de lesão, Taison pode ser a grande novidade da escalação colorada para encarar o Grêmio Foto: Ricardo Duarte / Inter / Inter

Taison pode ser a grande surpresa do Inter no Gre-Nal. Recuperado da lesão muscular, o camisa 10 está entre os atletas relacionado por Diego Aguirre. O capitão será um importante acréscimo de qualidade e liderança no time colorado. 

Além disso, supre a ausência de Maurício, que saiu lesionado contra o São Paulo. Claro que Boschilia também é uma opção para começar a partida. Fica só a dúvida se Taison inicia como titular ou entra no transcorrer do clássico. Nessas situações, penso que é sempre melhor começar a partida e sair quando a gasolina acabar. 

Leia mais
Gre-Nal 433: horário, como assistir e tudo sobre o jogo pela 11ª rodada do Brasileirão
Mano a Mano: quem leva a melhor no Gre-Nal 433?
Felipão x Paixão: a trajetória dos pentacampeões em 2002 até o Gre-Nal em lados opostos em 2021

Na zaga, Diego Aguirre terá a volta de Víctor Cuesta, pela primeira vez com Bruno Méndez, para tentar corrigir os problemas defensivos. Pelos últimos desempenhos, Zé Gabriel, Lucas Ribeiro e Pedro Henrique perderam espaço. No restante, penso que não há muitos mistérios. Somente poderemos ter alguma surpresa, se o técnico uruguaio resolver preservar algum jogador desgastado pela maratona insana de jogos. Porém, sinceramente, não acredito que isso possa acontecer em um Gre-Nal. 

Depois de cumprir a suspensão, Edenilson é outro reforço importante para o meio-campo ao lado de Dourado e Patrick. Na frente, mesmo tendo Thiago Galhardo, Yuri Alberto ainda deve ser mantido como homem de referência com Caio Vidal. Não deu liga o encontro dos goleadores nas partidas em que ambos atuaram juntos no ataque. Uma certeza pelas bandas do Beira-Rio é que o Colorado precisa vencer para não ficar perto do perigoso Z-4. 

 
 
 
 
 
 
 
Diário Gaúcho
Busca
clicRBS
Nova busca - outros