Luciano Périco: desempenho no Gre-Nal mostra um caminho para o Inter de Diego Aguirre - Inter - Esporte - Diário Gaúcho

Versão mobile

 
 

Quase12/07/2021 | 06h00Atualizada em 12/07/2021 | 06h00

Luciano Périco: desempenho no Gre-Nal mostra um caminho para o Inter de Diego Aguirre

Colorado teve produção para vencer o Grêmio na Arena, mas parou nas mãos de Gabriel Chapecó

Luciano Périco: desempenho no Gre-Nal mostra um caminho para o Inter de Diego Aguirre Jefferson Botega / Agencia RBS/Agencia RBS
Yuri Alberto criou as principais chances de gol da equipe colorada no clássico 433 Foto: Jefferson Botega / Agencia RBS / Agencia RBS

Gabriel Chapecó foi o grande protagonista do Gre-Nal. O goleiro gremista fez, pelo menos quatro defesas, que garantiram o empate em 0 a 0. Pelo o que produziu durante os mais de 90 minutos de jogo, o Inter merecia conquistar a segunda vitória dentro da Arena na história dos clássicos. 

A criação levou a 16 conclusões. A metade acertou a meta gremista. Óbvio que não foi uma atuação brilhante da . Mas o Colorado mostrou que é possível ter uma escalação equilibrada. Sem improvisações, com cada peça no seu lugar, pode buscar uma qualificação no desempenho para somar pontos e subir na tabela do Brasileirão.

Leia mais
Aguirre fala sobre Libertadores e valoriza volta de jogadores no Inter: "Precisamos de todos"
Barcellos alfineta o Grêmio: "Tem gente lá atrás que não tem nem para onde olhar"
Lamentação pelo empate, retornos importantes e "olhar para a frente": a repercussão do Gre-Nal do lado do Inter

Analisando com uma lupa o desempenho colorado, algumas individualidades tiveram desempenhos pouco inspirados. Cito a dupla Patrick e Edenilson. Ambos já mostraram em suas trajetórias dentro do clube, que podem mais. Como se projetava, Taison teve fôlego apenas para 45 minutos. Medida acertada de Aguirre em começar o jogo com o camisa 10 e não colocá-lo durante a partida. 

Saravia e Moisés sentiram a falta de ritmo de jogo nas laterais. O principal destaque colorado foi Yuri Alberto, criador das principais chances de marcar. Incomodou a defesa do Grêmio durante toda a partida. Vale também destacar Bruno Méndez na zaga. 

O uruguaio teve uma atuação segura. Conseguiu controlar as raras investidas do ataque gremista. A dupla conseguiu estancar a sequência de gols sofridos no Brasileirão. No juízo final, o empate não foi um bom negócio para o Inter, que empacou na tabela de classificação. Mas deixa uma ideia de que é possível evoluir.  Agora é foco na Libertadores no duelo contra o Olímpia na quinta-feira (15) no Paraguai.

 
 
 
 
 
 
 
Diário Gaúcho
Busca
clicRBS
Nova busca - outros