Luciano Périco: Inter não pode reclamar do empate com o Corinthians - Inter - Esporte - Diário Gaúcho

Versão mobile

 
 

1 a 105/07/2021 | 07h00Atualizada em 05/07/2021 | 07h00

Luciano Périco: Inter não pode reclamar do empate com o Corinthians

Colorado saiu da Arena Itaquera com um ponto na noite de sábado

Luciano Périco: Inter não pode reclamar do empate com o Corinthians Ricardo Duarte / Internacional/Internacional
Edenilson marcou de pênalti e chegou a cinco gols no campeonato Foto: Ricardo Duarte / Internacional / Internacional

A escalação inicial do Inter colocada por Diego Aguirre surpreendeu a todos. Léo Borges apareceu no meio-campo pelo lado esquerdo. Foi clara a ideia do treinador reforçar a proteção defensiva no setor. Sem Caio Vidal, Juan Cuesta — jovem colombiano que chegou ao Beira-Rio sem muito alarde — teve a chance de estrear. Na primeira etapa, as duas equipes fizeram um jogo de pouquíssima inspiração. Pouca efetividade ofensiva dos dois lados. Um excesso de erros de passes. 

Mesmo jogando em casa, o Corinthians mostrou muitas dificuldades. Na bola parada, como tem sido na maioria das partidas, o Colorado saiu na frente com pênalti cobrado por Edenilson. O camisa 8 chegou a incrível marca 100% de aproveitamento em 14 cobranças. O lance da penalidade marcada pelo árbitro Marcelo de Lima Henrique foi muito reclamado pelos paulistas. Em desvantagem no marcador, na etapa final, o Timão resolveu arriscar um pouco mais. Aguirre colocou Johnny e Patrick no intervalo. Mudanças que melhoraram o desempenho do Inter. Matheus Vital foi o jogador da  equipe paulista, que levou mais perigo à meta colorada. 

Leia mais
Cotação GZH: confira as notas dos jogadores do Inter no empate com o Corinthians
"Acho que perdemos dois pontos", diz Diego Aguirre após empate do Inter com o Corinthians
Maurício lamenta pontos perdidos contra o Corinthians: "Acharam uma bola"

O empate corinthiano saiu aos 34 minutos do segundo tempo. Fábio Santos fez o cruzamento pelo lado esquerdo. Luan conseguiu desviar de cabeça. O goleiro Daniel conseguiu fazer a defesa. No rebote, sem Cuesta chegar no lance, Jô teve liberdade para meter na rede. 

No geral, Maurício foi o principal destaque colorado. Yuri Alberto ficou abandonado na frente. O estreante Paulo Victor demonstrou algum nervosismo e um normal desentrosamento. Ainda pode evoluir. 

O Inter não conseguiu quebrar o tabu de vencer na casa nova do Corinthians. A equipe de Aguirre precisa evoluir muito ainda. Chegou a 10 pontos com um aproveitamento de apenas 37%. Muito pouco para quem pretende ter grandes ambições no Brasileirão. Penso que o empate em 1 a 1 acabou sendo o resultado justo pelo o que as duas equipes fizeram.

 
 
 
 
Diário Gaúcho
Busca
clicRBS
Nova busca - outros