Guerrinha: "Desta vez o Grêmio foi efetivo" - Esporte - Diário Gaúcho

Versão mobile

Coluna do Guerra26/09/2016 | 09h02Atualizada em 26/09/2016 | 09h02

Guerrinha: "Desta vez o Grêmio foi efetivo"

Guerrinha: "Desta vez o Grêmio foi efetivo" Fernando Gomes/Agencia RBS
Foto: Fernando Gomes / Agencia RBS

Sem a mesma intensidade de outros jogos, quando dominou os adversários, mas não conseguiu os resultados, desta vez o Grêmio foi efetivo: derrotou a Chapecoense por 1 a 0, voltou a frequentar a primeira página da classificação e atingiu seu maior objetivo: chegar revigorado para o enfrentamento contra o Palmeiras, pela Copa do Brasil.

Agora, com mais alguns poucos dias pela frente para trabalhar, com a volta de alguns que ficaram de fora ontem, o técnico Renato Portaluppi terá que achar um jeito de fazer o seu time melhorar ainda mais, tudo para buscar a vitória, se possível sem levar gol, para seguir sonhando com um caneco na temporada.

Leia outras colunas do Guerrinha

Rotina — Apesar de ter jogado melhor do que vinha fazendo, o Inter perdeu de novo. Ontem o Colorado levou 3 a 1 do Atlético-MG, o que não chega a ser nenhuma surpresa, e ficou ainda mais complicado do que estava.

Esperança — Dentro de casa e de técnico novo, o Figueirense venceu o Santa Cruz por 3 a 1. O time catarinense respirou um pouco melhor, passou a sonhar com o fim do martírio e deixou os pernambucanos ainda mais enrolados.

Objetivo — Longe de casa, o Brasil-Pel largou atrás, mas empatou com o Tupi em 1 a 1. Somou mais uma ponto e ficou mais perto de comemorar a permanência na Série B. Agora, com a pele quase salva, o Xavante brigará, para alcançar um prêmio que ninguém imaginava: a Série A.

Perguntinha
O Inter vai poupar contra o Santos?



 
 
 
Diário Gaúcho
Busca
clicRBS
Nova busca - outros