Guerrinha: "Azarão na eleição do Inter" - Esporte - Diário Gaúcho

Versão mobile

Coluna do Guerra07/10/2016 | 08h47Atualizada em 07/10/2016 | 08h47

Guerrinha: "Azarão na eleição do Inter"

Guerrinha: "Azarão na eleição do Inter" Fernando Gomes/Agencia RBS
Foto: Fernando Gomes / Agencia RBS

Claro que a situação tem o legítimo direito de indicar candidato para a próxima eleição presidencial do Inter. Ela escolheu Pedro Affatato, vice-presidente de Vitorio Piffero, para se manter no poder. Verdade que o futebol é dinâmico, mas pelo andar da carruagem, aconteça o que acontecer nestes últimos jogos, com ou sem salvação do castigo da Segundona, não é nada difícil afirmar que, neste momento, a candidatura é apenas uma intenção de marcar território e sem possibilidades de sucesso. 

Leia outras colunas do Guerrinha

Gasolina

Metida em duas competições, a Chapecoense dá sinais de que ficou sem gasolina no Brasileirão. Nos dois últimos jogos, contra Vitória e Atlético-PR, o time catarinense não somou pontos e sofreu sete gols. O sinal de alerta foi ligado na Arena Condá.

Forte

Justamente em um jogo fora de casa, que entrou em campo sem Luan, o seu melhor jogador, o Grêmio venceu o Vitória. O time não correu riscos e até poderia ter feito um placar mais tranquilo. Com a volta do camisa 7, o fim do jejum longe da Arena, tudo indica que o time do técnico Renato Portaluppi será mais forte. Há muitas chances de fazer a sua parte contra o Atlético-PR e ficar mais perto da vaga na Libertadores.

Pepino

O empate entre Sport e São Paulo não mudou a vida de ninguém. Paulistas e pernambucanos permanecem ameaçados pelo maior castigo da competição. Terão que abrir o olho e lidar com a inevitável pressão nos últimos jogos.

Perguntinha: O Atlético-MG deu adeus ao título? 


 
 
 
Diário Gaúcho
Busca
clicRBS
Nova busca - outros