Cacalo: "Preocupações após o clássico" - Esporte - Diário Gaúcho

Versão mobile

Paixão Tricolor07/03/2017 | 08h00Atualizada em 07/03/2017 | 08h00

Cacalo: "Preocupações após o clássico"

Cacalo: "Preocupações após o clássico" Lucas Uebel/Grêmio/Divulgação
Foto: Lucas Uebel / Grêmio/Divulgação
Cacalo Silveira Martins
Cacalo Silveira Martins

cacalo@diariogaucho.com.br

Além da frustração pelo empate no Gre-Nal — resultado que havia previsto, mas sem gols —, confesso que outros fatores me deixaram atentos sobre a produção do Tricolor. Imagino que, assim como eu, todos os torcedores gremistas também saíram desapontados. Mesmo que num clássico como esse, em que o empate seria o resultado mais adequado (como foi), tínhamos aquela esperança de vitória, em face da maior qualidade da equipe de Renato Portaluppi.

Já disse e escrevi que sempre é difícil uma equipe de Série A vencer uma de Segunda Divisão, e o Inter foi brioso e teve qualidade nos gols que marcou. Por isso precisamos respeitar o adversário.

Mas a preocupação maior é a dificuldade que o time gremista vem enfrentando para buscar o melhor sistema, após as saídas de Douglas e Walace. Bolaños está ótimo, mas definitivamente não exerce a função de Douglas. A cabeça de área, especialmente sem Maicon, que fez muita falta, ficou desguarnecida — foi por ali que o Inter marcou seus gols. Urge que o técnico consiga organizar uma forma de atuar diferente daquela que tinha com Douglas.

Dificuldades na quinta
Não se trata nem de quais nomes serão escalados, mas a maneira como o time atuará. E, quinta-feira, na estreia da Libertadores, mesmo sem conhecer o adversário, estou prevendo muitas dificuldades ao Grêmio. Nessas horas deve prevalecer a inteligência de Renato, o profissionalismo dos atletas e a história do clube.

Leia outras colunas da Paixão Tricolor

*Diário Gaúcho


 

Vídeos recomendados para você

 
 
 
Diário Gaúcho
Busca
clicRBS
Nova busca - outros