Pedro Ernesto: "O mais querido" - Esporte - Diário Gaúcho

Versão mobile

Coluna do Pedro19/05/2017 | 08h01Atualizada em 19/05/2017 | 08h01

Pedro Ernesto: "O mais querido"

ABC, de importante, só tem o treinador Geninho

Pedro Ernesto: "O mais querido" Cristiano Estrela/Agencia RBS
Foto: Cristiano Estrela / Agencia RBS
Pedro Ernesto Denardin
Pedro Ernesto Denardin

pedro.ernesto@diariogaucho.com.br

Visitei o site do ABC, de Natal. É conhecido como "O Mais Querido". De importante, só o treinador, Geninho, homem experiente é de muita competência. Os jogadores são desconhecidos para mim. Não acredito que uma equipe desse tamanho possa fazer frente. Como disse Felipe Melo, o Inter tem muita grandeza.

A diferença para o ABC é um abismo. Para ganhar com tranquilidade, espero o empenho dos jogadores e a efetiva participação do torcedor colorado. Sendo assim, a vitória brota naturalmente.

Me arrisco a dizer que o Inter termina a Série B com diferença de 15 pontos em relação ao vice. É muito maior e melhor do que os demais.

Ataque

Pottker será titular. Nico López tem sido importante, pelo bom futebol e pelos gols. Sobra Marcelo Cirino, que também mostra bom futebol. Mas um deles tem de sair. Ter três atacantes pode ser perigoso. Antônio Carlos Zago quer três volantes. Com isso, libera D'Alessandro. Jogar com três atacantes pode ser solução de segundo tempo. E ele tem na mão atacantes de grande qualidade.

Venda de Luan

O Grêmio já pode vender Luan sem prejuízo técnico considerável. Primeiro, porque este é craque apenas às vezes. Segundo, porque um meio-campo com Maicon, Ramiro, Artur e Bolaños não precisa de Luan. Sem contar que o Grêmio ainda contará com Douglas ali adiante. O que mais faz falta nesse momento são as malas de dinheiro dessa venda.

 

Vídeos recomendados para você

 
 
 

Notícias

Assine o RSS

Últimas

Mais lidas

Diário Gaúcho
Busca
clicRBS
Nova busca - outros