Guerrinha: "Grêmio teve vitória maiúscula" - Esporte - Diário Gaúcho

Versão mobile

Guerra Total14/07/2017 | 07h01Atualizada em 14/07/2017 | 07h01

Guerrinha: "Grêmio teve vitória maiúscula"

Triunfo sobre o Flamengo mostrou a força tricolor

Guerrinha: "Grêmio teve vitória maiúscula" Armando Paiva/AGIF/Lancepress
Foto: Armando Paiva / AGIF/Lancepress

Foi bom demais.

Dentro da Ilha do Urubu, o Grêmio fez uma atuação qualificada e derrotou o Flamengo. Quebrou a invencibilidade do rival na sua casa, reassumiu a vice-liderança e seguiu sonhando em se aproximar do líder Corinthians, que faz uma campanha fora da curva.

Uma vitória maiúscula, com gol de Luan e que serve para provar que o Tricolor, apesar de pensar muito mais na Copa do Brasil e na Libertadores, não arquivou a esperança no Brasileirão.

Regularidade – É preciso reconhecer. Após um período na reserva, o zagueiro Klaus ganhou chance entre os titulares do Inter e cumpriu com regularidade seu papel. Espantou a bola nos momentos complicados e até apareceu no ataque. Por enquanto, o casamento do ex-zagueiro do Juventude com Cuesta dá muito certo, o que prova o acerto na escolha de Guto Ferreira.

Paredão – Virou pó. Faltando 25 rodadas, dá para dizer que a chance do Atlético-MG é quase nenhuma no Brasileirão. Dependendo do que acontecer na Copa do Brasil e na Libertadores, a vida de Roger Machado, que está complicada, vai ficar ainda pior.

Incrível – Nem o mais otimista esperava. Em 13 jogos e 39 pontos disputados, o Corinthians faturou 35. Uma campanha incrível de um time que não conta com nenhum diferenciado: é cheio de operários, comandados por um desconhecido, que mostra que conhece o riscado.

Perguntinha – Quando o Palmeiras vai ter um time?

 

Vídeos recomendados para você

 
 
 
Diário Gaúcho
Busca
clicRBS
Nova busca - outros