Pedro Ernesto: "Sobre Luan e o interesse dos italianos" - Esporte - Diário Gaúcho

Versão mobile

Coluna do Pedro07/07/2017 | 07h01Atualizada em 07/07/2017 | 07h01

Pedro Ernesto: "Sobre Luan e o interesse dos italianos"

Grêmio renova o contrato do atleta ou terá que vendê-lo agora

Pedro Ernesto Denardin
Pedro Ernesto Denardin

pedro.ernesto@diariogaucho.com.br

Esta da Inter de Milão querer contratar Luan e colocar o jogador na Sampdoria significa dizer que os italianos não dão tanto valor assim a esse jogador. Se ele fosse considerado pelos italianos, não haveria esta conversa de empréstimo.

Luan deve ser convocado por Tite para o jogo contra o Equador aqui em Porto Alegre. Este fato pode alterar o olhar dos possíveis compradores. Jogador que passa pela Seleção Brasileira vale muito mais. Até agora, só se tem especulação e desejo dos dirigentes do Grêmio de vender um ou dois jogadores para pagar contas.

DESIGUALDADE

A legislação diz que seis meses antes de terminar seu compromisso com o clube um jogador pode assinar pré-contrato com outro. Isto fragiliza os clubes. O Santos deve estar perdendo Lucas Lima porque o jogador não quis renovar contrato. O Grêmio corre o risco com Luan. Ou renova seu contrato ou vende. Em janeiro, ele fica tecnicamente livre. Trata-se de uma desigualdade constrangedora. Um clube forma jogadores com altos investimentos e corre risco de perder. Só que não adianta chorar. É assim.

VALDÍVIA

Tem o mesmo procurador de Luan. Jair Peixoto o representa. Me disse o empresário que foi muito fácil estender seu contrato até 2020 com o Internacional. Não conseguiu com o Grêmio. Teve proposta da Alemanha depois dos Jogos Olímpicos de 25 milhões de euros, e o Grêmio teria pedido 40. Não fez a venda e não estendeu o contrato. Agora, corre risco e vai acabar vendendo por muito menos. 

DIÁRIO GAÚCHO

 

Vídeos recomendados para você

 
 
 
Diário Gaúcho
Busca
clicRBS
Nova busca - outros