Guerrinha: "Jogo em Campinas só vale para um time" - Esporte - Diário Gaúcho

Versão mobile

Guerra Total08/11/2017 | 07h00Atualizada em 08/11/2017 | 07h00

Guerrinha: "Jogo em Campinas só vale para um time"

Na prática, a partida é um amistoso, um laboratório para a turma do técnico Renato Portaluppi

Guerrinha: "Jogo em Campinas só vale para um time" Lucas Uebel / Grêmio, Divulgação/Grêmio, Divulgação
Foto: Lucas Uebel / Grêmio, Divulgação / Grêmio, Divulgação

Logo mais, em Campinas, cheio de reservas, com a cabeça na decisão da Libertadores, o Grêmio enfrenta a muito ameaçada Ponte Preta.

Na prática, o jogo é amistoso, um laboratório para a turma do técnico Renato Portaluppi, e uma final de Copa para a Macaca, que necessita do três pontos para tentar salvar o ano. Pelos objetivos diferentes, é fácil deduzir que a noite não será fácil para os defensores.

CULPA _ Não ajuda em nada.

Questionado sobre os dois gols sofridos no início de cada tempo contra o Luverdense, o técnico do Inter transferiu a culpa para quem estava dentro de campo.

Até as paredes sabem que este tipo de declaração não é bem recebida pelo vestiário, que até pode ser uma verdade, mas que é um assunto interno, entre quatro paredes. Menos mal que o Colorado já está na Série A.

QUEDAS _ Está pintando uma tragédia.

Faltando poucos jogos para o fim da temporada, os pernambucanos correm risco de assistir ao que jamais imaginavam: a queda de seus representantes.

Na Série A, o Sport está perto de beijar a lona e, na Segundona, Santa Cruz e Náutico só escapam com a ajuda dos céus.

DUREZA _ Não vai ser fácil.

Apesar de ter recuperado o moral, o Corinthians tem um osso duro pela frente, logo mais, fora de casa: o Atlético-PR. Se deixar de fazer os três pontos e o Santos conseguir vencer o Vasco, na Vila Belmiro, a briga pelo caneco vai esquentar de novo.

Perguntinha

Quando o Inter vai vencer e convencer?



 

Vídeos recomendados para você

 
 
 
Diário Gaúcho
Busca
clicRBS
Nova busca - outros