Guerrinha: "Será que vem surpresa?" - Esporte - Diário Gaúcho

Versão mobile

Guerra total24/11/2017 | 07h00Atualizada em 24/11/2017 | 07h00

Guerrinha: "Será que vem surpresa?"

Renato pode mudar escalação para a finalíssima

Guerrinha: "Será que vem surpresa?" Lucas Uebel/Grêmio FBPA
Foto: Lucas Uebel / Grêmio FBPA

Mudou o quadro.

Com a vantagem obtida dentro da Arena, o Grêmio joga por dois resultados, semana que vem, na Argentina, e não é de duvidar que tenha surpresas na escalação.

Numa decisão em que precisa evitar a reversão do Lanús, dá para se cogitar que o técnico Renato Portaluppi pode estar trabalhando a ideia de reforçar o meio-campo, até pelo fato de que dois de seus atacantes – Barrios e Fernandinho – estão jogando bulhufas.

Silêncio – É assim que deve ser. Diferentemente de outras épocas, o Inter acerta na mosca ao não eleger este ou aquele treinador como o preferido.

Seja quem for o escolhido, nem imprensa, nem torcida poderá dizer que o eleito não era o favorito, o que sempre significa um peso grande na mochila quando a gravata aperta.

Despedida – Vale a presença. Logo mais, no Bento Freitas, o Brasil-Pel fecha o ano contra o Criciúma. Com o ano salvo, a permanência na Segundona e otimismo para 2018, chegou a hora da direção do Xavante fazer o que é mais urgente: um time mais forte para a próxima temporada.

Baixo – Não pegou legal. Marcado pela torcida, o meia Lucas Lima vai deixar o Santos, rumo ao Palmeiras, por baixo. Verdade que a direção do Peixe chupou bala, mas ir embora sem proporcionar compensação financeira sempre piora a situação.

Perguntinha

Fernandinho merece ser titular?

 

Vídeos recomendados para você

 
 
 
Diário Gaúcho
Busca
clicRBS
Nova busca - outros