Luciano Périco: "Todo cuidado é pouco" - Esporte - Diário Gaúcho

Versão mobile

Gigante da Galera24/11/2017 | 07h00Atualizada em 24/11/2017 | 07h00

Luciano Périco: "Todo cuidado é pouco"

Grêmio precisa prestar atenção a todos os detalhes da final

Luciano Périco: "Todo cuidado é pouco" André Ávila/Agencia RBS
Foto: André Ávila / Agencia RBS

Não há como negar: o 1 a 0 conquistado na Arena será muito importante para a decisão na Argentina. O Grêmio joga por dois resultados. Até mesmo uma derrota por um gol de diferença leva a definição do campeão da Libertadores para a prorrogação, seguida de pênaltis caso seja mantida a igualdade de saldo.

O Lanús só passa direto com vitória por dois ou mais gols – não há saldo qualificado. O Tricolor não pode ficar acuado o jogo inteiro. Tem que chegar na frente, ter a mesma postura que já teve fora de casa. A boa notícia para os gremistas é que, em inúmeras oportunidades, o time não sentiu jogo.

É certo que o Lanús terá de sair da toca. Será fundamental ter um contra-ataque mortal. Os argentinos vão fazer uma fumaceira. O Grêmio precisa estar atento a tudo dentro e fora de campo.

TIME MUDADO – Renato tem de alterar o time para jogar na Argentina. Botar Everton no lugar de Fernandinho, para ter velocidade no contragolpe. O Grêmio precisa aproveitar os espaços dados pelo Lanús. Barrios tem de mudar a postura. Participou pouco na Arena. Até deve ser mantido no time, só que, vale lembrar, Jael foi muito mais produtivo. E há a ausência de Kannemann, que fará muita falta na zaga.

ROGER LÁ, ABEL AQUI – As peças do quebra-cabeça começam a se encaixar. Roger Machado terá um baita desafio no Palmeiras. Aposto que está preparado para encarar toda a pressão de trabalhar no Verdão, que investe pesado e não tem muita paciência para dar sequência de trabalho aos treinadores. Com isso, tudo está indicando que Abel Braga vai desembarcar em Porto Alegre para treinar o Inter em 2018.

 

Vídeos recomendados para você

 
 
 
Diário Gaúcho
Busca
clicRBS
Nova busca - outros