Gustavo Manhago: "Milagrohe" - Esporte - Diário Gaúcho

Versão mobile

Gigante da Galera01/12/2017 | 07h00Atualizada em 01/12/2017 | 07h00

Gustavo Manhago: "Milagrohe"

Goleiro foi o principal herói do título do Grêmio

Gustavo Manhago: "Milagrohe" Grêmio/Twitter/Reprodução
Foto: Grêmio / Twitter/Reprodução

O Grêmio teve muitos heróis na conquista do Tri da Libertadores. Mas, para mim, ninguém supera Marcelo Grohe. Muitos podem merecer o mesmo do que ele. Nenhum mais. Criado no Olímpico, enfrentou os momentos ruins na “seca” de títulos. Aceitou a reserva quando não merecia. Cresceu quando o time cresceu.

Todos aqui lembram as defesas espetaculares nos jogos de ida desta Libertadores, contra Barcelona-EQU e contra o Lanús. Mas é bom lembrar que tudo começa no pênalti defendido contra Weverton, do Atlético-PR, que poderia ter tirado o Grêmio da Copa do Brasil em 2016 logo nas oitavas.

Se fosse por Grohe, o time estaria também na final da Copa do Brasil em 2017, pois pegou dois pênaltis no Mineirão. Parabéns, Marcelo Grohe! Tu mereces muito!

BRASILEIRÃO – Que Grêmio irá encerrar o Brasileirão domingo em Belo Horizonte, contra o Atlético-MG? Não sei. Nem importa. Até aquela possível disputa pelo vice-campeonato com Palmeiras e Santos, e por cerca de R$ 11 milhões na conta do clube, ficou em segundo plano. Por conta do Tri, ser o quarto colocado não mudará em nada a situação financeira do tricolor. O Tri da América vale por toda a temporada.

RECOPA LOGO ALI – Tendo o Mundial até 16 de dezembro, mais a viagem de volta e as férias, a reapresentação do grupo principal do Grêmio em 2018 só deverá ocorrer na segunda quinzena de janeiro, com o Gauchão em andamento. E o time terá pouco tempo para treinar até a disputa de mais uma taça: as finais da Recopa, contra o campeão da Sul-Americana, serão nos dias 7 e 21 de fevereiro. 

 

Vídeos recomendados para você

 
 
 
Diário Gaúcho
Busca
clicRBS
Nova busca - outros