André Baibich: o primeiro esboço de Odair reúne os melhores jogadores do Inter - Esporte - Diário Gaúcho

Versão mobile

 

Opinião06/01/2018 | 07h00Atualizada em 06/01/2018 | 07h00

André Baibich: o primeiro esboço de Odair reúne os melhores jogadores do Inter

Má notícia é que será preciso tempo e ajustes para o time se tornar competitivo

André Baibich: o primeiro esboço de Odair reúne os melhores jogadores do Inter Félix Zucco/Agencia RBS
Foto: Félix Zucco / Agencia RBS

Odair Hellmann ofereceu o primeiro indício de como pretende montar o Inter ao posicionar os titulares em campo no treino desta sexta-feira. A boa notícia é que a formação reúne o que há de melhor no grupo de jogadores. A má é que será necessário tempo e alguns ajustes para o time funcionar.

Leia mais
Em treino dos reservas do Inter, Odair posiciona Patrick adiantado e Nico recuado
Antes do anúncio pelo Inter, Wellington Silva aparece no campo 
Patrick explica resposta a críticas por suposto sobrepeso: "Não estou aqui só para escutar"

Com Pottker aberto na direita, Camilo na esquerda e D'Alessandro como um meia do 4-2-3-1, a formação treinada tem boas peças. Em teoria, a possibilidade de um escape rápido por um lado, com Pottker, e a cadência de um meia para acompanhar D'Ale pelo outro, com Camilo. Há um desenho de onde se pode tirar uma equipe competitiva. A questão é que falta caminhar alguns passos para que chegar lá.

As carências defensivas são as mais evidentes e, se a direção não se mexer no mercado, terão de ser supridas por muita compactação e organização. 

Camilo é outro dos pontos de interrogação. Sempre que foi escalado pela esquerda, teve dificuldades. Até acho que pode render por ali, mas precisa de sequência para se acostumar à função.

PAULO MIRANDA — O reforço para a zaga gremista desembarcou nesta sexta-feira. Difícil prever como se adaptará qualquer nova adição a um grupo de jogadores, mas, ao primeiro olhar, trata-se de um acerto da direção. O Grêmio buscava um reserva confiável para sua excelente dupla de zaga. Paulo Miranda tem as credenciais para ser essa figura, além de ter a vantagem de ser versátil para atuar, também, na lateral direita.

ARTHUR E MAICON — Ouço, aqui e ali, a avaliação de que, se o Grêmio perder Arthur, basta fazer a reposição com Maicon. Em teoria pode dar certo, já que o capitão reúne atributos que o permitem assumir o comando da saída de bola tricolor, algo que o jovem fez no ano passado. A questão é que o longo período lesionado coloca dúvidas sobre como Maicon voltará. Diante disto, melhor que a direção se mexa no caso dos milhões do Barça levarem a promessa embora.


 
 
 
 
Diário Gaúcho
Busca
clicRBS
Nova busca - outros