Guerrinha: "Uma encruzilhada para o Tricolor" - Esporte - Diário Gaúcho

Versão mobile

 

Guerra total07/02/2018 | 07h00Atualizada em 07/02/2018 | 07h00

Guerrinha: "Uma encruzilhada para o Tricolor"

Atrasado na tabela, o Grêmio, com seus titulares, recebe o vice-líder Brasil-Pel, na Arena

Guerrinha: "Uma encruzilhada para o Tricolor" André Ávila/Agencia RBS
Tricolor tem partida importante Foto: André Ávila / Agencia RBS

É proibido adiar.

Atrasado na tabela, consciente de que vai ter que fazer forca ate o último jogo, o Grêmio, com seus titulares, recebe o vice-líder Brasil-Pel, na Arena. O Tricolor não tem o direito de deixar escapar os três pontos para avançar na tabela. 

CONVICÇÃO _ Acabou o prazo.

Depois de testar quase todo o grupo, chegou a hora do técnico Odair Hellmann mostrar a sua convicção. Ele definir seu time titular, a forma de jogar do Inter, as primeiras opções de banco e um esquema de urgência.

Colocando em prática esses requisitos, será finalmente possível uma avaliação quase definitiva sobre o que se pode esperar do comandante e do Colorado em 2018.

PERIGO _ Ficou complicado.

Quando parecia que tinha entrado nos eixos, o Novo Hamburgo repetiu a bola assustadora, empatou em casa com o São Paulo e deixa a impressão de que vai sofrer até o último jogo.

Uma coisa já é líquida e certa: o Gauchão do Noia é para fugir do fracasso.

FRAQUINHO _ Com o que tem é pouco.

Quem viu o empate contra o Avenida, depois de ter aberto 2 a 0 no marcador, ficou com a sensação de que o Juventude tem pouca farinha para encarar a Série B do Brasileiro.

Se não reforçar o grupo, o time da Serra vai comer o pão que o diabo amassou na competição nacional.

Perguntinha

Quem vai comandar o ataque do Grêmio?

 
 
 
 
 
 
 
Diário Gaúcho
Busca
clicRBS
Nova busca - outros