Luciano Périco: "Grêmio e Brasil-Pel farão uma grande final" - Esporte - Diário Gaúcho

Versão mobile

 

Gigante da Galera29/03/2018 | 07h00Atualizada em 29/03/2018 | 07h00

Luciano Périco: "Grêmio e Brasil-Pel farão uma grande final"

Os dois times mereceram a classificação à decisão do Gauchão

Luciano Périco: "Grêmio e Brasil-Pel farão uma grande final" Carlos Macedo/Agencia RBS
Arthur marcou o gol gremista no empate com o Avenida Foto: Carlos Macedo / Agencia RBS

Agora tudo é decisão! O Grêmio passou poucas e boas nas rodadas iniciais do Gauchão. Penando pela falta de resultados do time de transição, sem os titulares que curtiam férias, o Tricolor patinou. Quando o grupo principal assumiu a bronca, veio a classificação, definida com uma vitória no Gre-Nal dentro do Beira-Rio. Depois, ainda eliminou o Inter no mata-mata.

Leia mais
Decisão entre Brasil-Pel e Grêmio não terá gol qualificado
Após eliminar o Avenida, jogadores do Grêmio projetam a final contra o Brasil-Pel
Renato prega respeito ao Brasil-Pel, mas ressalta busca pelo título: "Viciei este grupo em ganhar"

Agora, a prova final será contra o Brasil-Pel, com jogo decisivo no Bento Freitas. A classificação para a decisão veio no drama das penalidades máximas após o empate em 1 a 1 com o São José. O Xavante fez a melhor campanha da primeira fase e chega, sob o comando de Clemer, credenciado para repetir o feito do Novo Hamburgo em 2017. A única vez que conquistou o Gauchão foi há 99 anos, na primeira edição do Estadual. Mas o Brasil-Pel encontrará um Tricolor focado, querendo muito um título que não conquista desde 2010. 

Mudanças à vista

O Inter só volta a campo pela Copa do Brasil no dia 11 de abril. Até lá, Odair Hellmann poderá aproveitar para recuperar jogadores lesionados e fazer alguns ajustes no time.

A principal indicação de mudança será a entrada de Rodrigo Moledo no lugar de Klaus. O bom desempenho no último Gre-Nal, apesar da eliminação do Inter, contou pontos a favor do zagueiro que veio da Grécia. Na lateral direita, há a preocupação com Fabiano. Ele chegou para ser titular, mas sentiu um desconforto muscular, abrindo espaço para Ruan.

O único setor sem testes é o meio-campo, que mantém a estrutura com Dourado, Edenilson, D’Alessandro e Patrick. Outra novidade é a presença de Wellington Silva entre os titulares. Ele foi o parceiro de Nico no ataque. Será interessante ver o desempenho no jogo-treino com o Caxias.

 
 
 
 
 
 
 
Diário Gaúcho
Busca
clicRBS
Nova busca - outros