Neto Fagundes: Um tempo foi Gre, o outro foi Nal - Esporte - Diário Gaúcho

Versão mobile

 

Paixão colorada12/03/2018 | 07h00Atualizada em 12/03/2018 | 07h00

Neto Fagundes: Um tempo foi Gre, o outro foi Nal

Clássico teve duas etapas de diferenças extremadas

Neto Fagundes: Um tempo foi Gre, o outro foi Nal André Ávila/Agencia RBS
Cada time dominou um tempo do jogo, mas desta vez não deu para o Inter Foto: André Ávila / Agencia RBS

Um clássico Gre-Nal brigado desde o cara ou coroa deu a vitória ao Tricolor no Beira Rio, muito pela eficiência que o Grêmio teve no primeiro tempo em um jogo com duas etapas bem distintas. No primeiro, jogou o Grêmio. No segundo,  jogou o Inter, só que o pênalti marcado pelo juiz da partida, antes de ser substituído, deu a vitória ao nosso adversário. O Inter voltou do intervalo diferente, não apenas pela substituição que Odair fez de Dudu por Gabriel Dias, movendo Edenilson para a lateral-direita, mas na postura, atacando e buscando o empate. 

O Inter fez o gol no início do segundo tempo, criou chances, deu esperanças para a torcida, mas não conseguiu transformar o resultado. Poderíamos dizer que foi um "Grê" no primeiro tempo e um "Nal" no segundo. Dessa vez, não deu, mas teremos logo mais dois jogos pela frente, contra o mesmo tricolor, para melhorarmos a pontaria e continuarmos lutando pelo título.

Torcida mista

Quando escutava o jogo pela Rádio Gaúcha ouvi que estavam lá pelo Beira-Rio o Duda e a Duda, o Garbi e a Streb. São dois grandes amigos, ela foi minha colega na RBS TV e ele é meu parceiro de Pretinho Básico na Atlântida. Isso me deixa muito contente, pois com a criação da torcida mista damos um belo exemplo de educação e cidadania nos estádios. Duda Garbi e Duda Streb são torcedores apaixonados por seus times, mas nunca serão inimigos por usarem camisetas de clubes diferentes. 

A violência no futebol se tornou uma tragédia, e nosso papel é fazer do estádio um lugar para reunir a família com os avós e os netos torcendo pelo time do coração. Parabéns pela torcida mista no clássico, isso nos dá esperanças de paz nos estádios.

 

Vídeos recomendados para você

 
 
 
 
 
 
Diário Gaúcho
Busca
clicRBS
Nova busca - outros