Luciano Périco: "Tricolor está com a mão na taça" - Esporte - Diário Gaúcho

Versão mobile

 

Gigante da Galera02/04/2018 | 07h00Atualizada em 02/04/2018 | 07h00

Luciano Périco: "Tricolor está com a mão na taça"

O 4 a 0 construído pelo Grêmio na Arena encaminha a conquista do título do Gauchão

Luciano Périco: "Tricolor está com a mão na taça" Carlos Macedo/Agencia RBS
Goleada gremista na Arena Foto: Carlos Macedo / Agencia RBS

Mesmo com a vantagem gigantesca, Renato Portaluppi pregou respeito no jogo de volta. Mas só um desastre gremista, combinado com um milagre xavante, pode mudar o rumo da história.

No primeiro tempo, a marcação do Brasil-Pel foi implacável. O Tricolor teve muita posse de bola, mas não conseguiu furar o ferrolho do time de Clemer. A expulsão de Éder Sciola por Anderson Daronco, pelo segundo amarelo, mudou o curso da partida. Ele vigiava Everton o tempo inteiro, como um carrapato.

Claro que o Grêmio também teve méritos de aproveitar a vantagem de um jogador a mais na etapa final. A gente cansa de ver times que não conseguem tirar proveito em campo. O Cebolinha foi o personagem gremista, Jael brilhou nas assistências e Arthur e Maicon se entendem na linguagem da bola. E Luan foi perigoso o tempo inteiro.

ÚLTIMO CAPÍTULO _ Mesmo com a ampla vantagem gremista, não imagino um Bento Freitas que não esteja lotado para os últimos 90 minutos do Gauchão. O Brasil foi guerreiro. Correu demais, mesmo com o desgaste do meio da semana na semifinal contra o São José. Os xavantes saíram de campo falando em conquistar uma vitória para o seu torcedor. Pitol, apesar de traído pela bola no gol de Ramiro, fez grandes defesas. Hora do Brasil recarregar as baterias para encarar a Série B.

EM PREPARAÇÃO _ O jogo-treino do Inter contra o Caxias, com titulares e reservas, um time em cada tempo, mostrou algumas questões importantes sobre o momento colorado. Damião e Pottker fazem muita falta ao time. É fundamental recuperar os dois atacantes. Wellington Silva foi discreto. Na zaga, Rodrigo Moledo, que está ganhando a titularidade de Klaus, ainda precisa mostrar mais para ter vaga definitiva. Há muito trabalho para encarar Copa do Brasil e Brasileirão.

 

Vídeos recomendados para você

 
 
 
 
 
 
Diário Gaúcho
Busca
clicRBS
Nova busca - outros