Luciano Périco: "Protesto da torcida só tumultua ambiente no Inter" - Esporte - Diário Gaúcho

Versão mobile

 

Gigante da Galera10/05/2018 | 07h00Atualizada em 10/05/2018 | 07h00

Luciano Périco: "Protesto da torcida só tumultua ambiente no Inter"

Pressão atrapalha o time em um momento difícil

Luciano Périco: "Protesto da torcida só tumultua ambiente no Inter" Mateus Bruxel/Agencia RBS
Galera colorada reclamou muito do time e da direção Foto: Mateus Bruxel / Agencia RBS

A chapa está quente pelas bandas do Beira-Rio. O Inter acerta em buscar refúgio no hotel Vila Ventura, em Viamão, para poder trabalhar com tranquilidade.

A pressão exercida por alguns torcedores no treino desta quarta-feira (9) só tumultua ainda mais o ambiente. Claro que a galera tem todo o direito de externar a sua insatisfação, desde que não ultrapasse alguns limites. Ameaças de violência e rojões atirados no pátio não são legais. Sinceramente, não vejo que qualquer tipo de intimidação tendo algum efeito prático. Na verdade, aumenta ainda mais a turbulência.

Leia mais
Patrick comenta protestos da torcida no Inter: "Clube grande tem pressão"
Vídeo mostra cobrança de torcedores do Inter a Nico López: "É mais do que um jogo"
Em meio a protestos, Inter mantém blindagem e faz treino fechado no Beira-Rio

Naturalmente, o Gre-Nal já é um confronto cercado de tensão. Para o Inter, toma contornos de decisão. Um resultado negativo pode determinar uma série de mudanças, seja na comissão técnica ou no departamento de futebol.

PÁREO CORRIDO – Como se esperava, mesmo com os reservas, o Grêmio não teve dificuldades para bater o Goiás na Copa do Brasil. Alisson foi o protagonista, com dois gols e uma assistência, e mostrou por que é o 12º jogador gremista. Está credenciado para ser o substituto de Ramiro no Gre-Nal. Michel, na zaga, teve bom desempenho. Pode ser uma alternativa na reserva durante a ausência de Paulo Miranda.

PROBLEMÃO – Daniel Alves corre risco de ficar fora da estreia na Copa do Mundo. A lesão no joelho requer pelo menos três semanas de tratamento intensivo. Prazo apertado até o jogo contra a Suíça. Ainda há dúvida sobre quem seria o reserva da lateral direita na convocação da semana que vem. Penso que não foge de Fagner, do Corinthians, Danilo, do Manchester City, e Rafinha, do Bayern. Dor de cabeça para Tite.

 

Vídeos recomendados para você

 
 
 
 
 
 
Diário Gaúcho
Busca
clicRBS
Nova busca - outros