Neto Fagundes: "No circo colorado, o anão cresce" - Esporte - Diário Gaúcho

Versão mobile

 

Paixão colorada19/05/2018 | 07h00Atualizada em 19/05/2018 | 07h00

Neto Fagundes: "No circo colorado, o anão cresce"

Para completar a nossa fase, até o nosso mascote, o Saci, foi expulso em jogo do feminino

Neto Fagundes: "No circo colorado, o anão cresce" Reprodução / TV Inter/TV Inter
Nosso mascote tomou o vermelho Foto: Reprodução / TV Inter / TV Inter

A cada momento chegam novas notícias e muitas delas preocupantes com relação ao momento do Internacional. Jogadores suspensos na hora em que mais precisamos de pontos e antigos diretores envolvidos em suspeitas. Quando eu acho que as coisas vão melhorar, suspendem o D'Alessandro e o Pottker. Dou aquela ligadinha no rádio para saber o resultado do jogo do Grêmio, que já deve ter terminado, pois são 48 do segundo tempo, o juiz dá pênalti e sai o gol da virada. Desligo e vou dormir. 

Jogadores que saíram daqui fazendo golaços na rodada em seus novos clubes, Sasha deslancha no Santos de Pelé e Cláudio Wink se firma na lateral como um dos melhores do campeonato, só pode ser brincadeira. Mas para completar a nossa fase espetacular, até o nosso mascote, o Saci, foi expulso na partida do time feminino do Inter, o Nico López toma pressão na rua e diz estar com medo dos nossos torcedores, o Camilo, aquele que veio para ser o reserva imediato do D'Ale, virou invisível. Já o Damião prometeu estrear nessa segunda-feira.

Transparência dentro e fora

O fato é que a gente não sabe realmente o que está acontecendo, sabemos é que a torcida está enlouquecida e quer, pelo menos, transparência dentro e fora do campo para que o espetáculo de união e sucesso volte a acontecer. Do jeito que as coisas vão, respeitável público, se o Inter hoje comprar um circo, não tenha dúvidas que o anão cresce. 

 
 
 
 
 
 
 
Diário Gaúcho
Busca
clicRBS
Nova busca - outros