Guerrinha: "O Brasil tem um problema chamado Gabriel Jesus" - Esporte - Diário Gaúcho

Versão mobile

 

Guerra total29/06/2018 | 07h00Atualizada em 29/06/2018 | 07h00

Guerrinha: "O Brasil tem um problema chamado Gabriel Jesus"

Nos três jogos, o jovem jogador se mexeu por todos os lados, mas não conseguiu fazer gol, principal atribuição de um centroavante

Guerrinha: "O Brasil tem um problema chamado Gabriel Jesus" JOE KLAMAR/AFP
Gabriel Jesus cai durante partida do Brasil contra a Suíça, na Arena Rostov Foto: JOE KLAMAR / AFP

Nem tudo está legal. 

Mesmo com a classificação tranquila e com os progressos apresentados contra a Sérvia, a   Seleção  tem um problema para resolver com alguma urgência: Gabriel Jesus.

Nos três jogos, o menino se mexeu por todos os lados, cumpriu importante papel tático, mas não conseguiu fazer gol, a principal atribuição de quem está incumbido do toque final.

Pelo que está devendo, não é de duvidar que, em breve, o atacante Firmino, sempre elogiado pelo técnico Tite nas coletivas, receba a chance de começar e se adone da posição.

FAÇANHA – Quatro dos cinco sul-americanos passaram de fase na Copa, o que não deixa de ser uma façanha para quem chegou na Rússia sem a pompa dos europeus.

Verdade que Argentina e Colômbia precisaram baixar a biblioteca, mas Brasil e Uruguai mudaram de turma sem esforço.

Pena que o Peru, de boas atuações, mas aproveitamento ruim, voltou mais cedo.

Perguntinha

Quem tem o jogo mais duro da segunda fase da Copa?

 
 
 
 
 
 
 
Diário Gaúcho
Busca
clicRBS
Nova busca - outros