Luciano Périco: "Chegou a hora da camisa pesar" - Esporte - Diário Gaúcho

Versão mobile

 

Gigante na Rússia27/06/2018 | 07h00Atualizada em 27/06/2018 | 07h00

Luciano Périco: "Chegou a hora da camisa pesar"

Confio na definição do jogo pela qualidade de Neymar e Coutinho

Luciano Périco: "Chegou a hora da camisa pesar" Giuseppe CACACE/AFP
Coutinho é nossa esperança Foto: Giuseppe CACACE / AFP

O destino do Brasil na Copa será definido hoje em Moscou. A nossa Seleção ainda não engrenou, e chegou o momento de voltar a mostrar o futebol de antes do Mundial. Tenho a impressão de que o componente emocional possa estar interferindo. A boa notícia é que Tite estava tranquilo na última entrevista coletiva. Confirmou Willian como titular contra a Sérvia. Está correto, não é hora de inventar. 

Talvez a única ousadia possível seria escalar Firmino com Gabriel Jesus. Com certeza, os sérvios vão apostar na força e na jogada aérea. Os caras são grandões e vão aproveitar a única vantagem que têm sobre o Brasil. Confio na definição do jogo pela qualidade de Neymar e Coutinho. 

A responsabilidade da classificação é nossa, e todo cuidado é pouco.

Tango e tédio – Foi uma vitória épica! A Argentina permanece na Copa. Justo. Terá os franceses pela frente. Messi apareceu na Rússia abrindo o placar. O drama veio com um gol da Nigéria, em pênalti discutível. Rojo salvou a pátria. França e Dinamarca fizeram o primeiro 0 a 0 do Mundial. Jogo chato pra caramba! Precisando vencer, a Austrália não superou o Peru. Ambos bailaram.

Palpitão da Copa – Sem discussão: vitória do Brasil e primeiro lugar do Grupo E. A Suíça bate a Costa Rica e entra na segunda posição. Apesar do susto inicial, a Alemanha se classifica derrotando a Coreia do Sul. O México precisa só empatar com a Suécia. Mexicanos e alemães nas oitavas. Cheiro de revanche do 7 a 1 no ar! 


 

Vídeos recomendados para você

 
 
 
 
 
 
Diário Gaúcho
Busca
clicRBS
Nova busca - outros