Cacalo: "Caiu por terra o engodo de que somente nos pontos corridos vence o melhor" - Esporte - Diário Gaúcho

Versão mobile

 

Paixão tricolor17/07/2018 | 07h00Atualizada em 17/07/2018 | 07h00

Cacalo: "Caiu por terra o engodo de que somente nos pontos corridos vence o melhor"

Nas três últimas Copas, "apesar do mata-mata", a melhor seleção foi campeã 

Cacalo: "Caiu por terra o engodo de que somente nos pontos corridos vence o melhor" JEWEL SAMAD / AFP/AFP
França foi soberana na Copa Foto: JEWEL SAMAD / AFP / AFP
Cacalo Silveira Martins
Cacalo Silveira Martins

cacalo@diariogaucho.com.br

Não passa de conversa fiada quando dizem que a Seleção Brasileira teve uma boa participação nessa Copa do Mundo. Em nenhum momento, nas partidas em que disputou, a nossa Seleção satisfez como todos esperavam. No jogo em que foi desclassificada pela Bélgica, aconteceu aquilo que havíamos assistido nos Gre-Nais do Gauchão. Quando foi necessário, o Grêmio venceu dois clássicos, afastou o Inter da competição e seguiu adiante merecidamente classificado. No terceiro clássico, de pouca validade, o Inter obteve uma vitória de Pirro, que não levou a nada. 

Isso se repetiu, talvez em menor proporção, com a Seleção Brasileira. Na primeira etapa, a Bélgica comandou o espetáculo e fez dois gols suficientes para garantir a classificação. No segundo tempo, partindo para o tudo ou nada, o Brasil foi para o sufoco e os belgas recuaram, administrando o jogo. A nossa Seleção até teve chances, mas isso deveria ter ocorrido também no primeiro tempo, quando os belgas fizeram sua vantagem. 

Futebol é caprichoso

Nesta Copa, ficou demonstrado com toda a clareza para quem faz uma análise racional e descompromissada que venceu a melhor Seleção. Caiu por terra, definitivamente, o engodo aplicado pelos teóricos, de que somente um campeonato por pontos corridos, vence o melhor. Os três últimos Mundiais provaram exatamente o contrário. 

Em competição de formulismo, trazendo emoção a todos, Espanha, Alemanha e França foram as melhores e, por isso, campeãs das três últimas Copas. Quem é melhor, ganha em qualquer forma de competição. Que isto sirva de lição para todos aqueles que veem futebol com outros olhos, que não aqueles da beleza plástica, da competição, ambas unidas para a conquista de títulos.

 
 
 
 
 
 
 
Diário Gaúcho
Busca
clicRBS
Nova busca - outros