Guerrinha: "Brasil é favorito, mas precisa evitar a soberba" - Esporte - Diário Gaúcho

Versão mobile

 

Guerra total05/07/2018 | 07h00Atualizada em 05/07/2018 | 07h00

Guerrinha: "Brasil é favorito, mas precisa evitar a soberba"

Se alguém acha que Bélgica jogará igual ao que mostrou contra o Japão, marcando frouxo, em ritmo de treino, pode tirar o cavalo da chuva

Guerrinha: "Brasil é favorito, mas precisa evitar a soberba" Lucas Figueiredo/CBF/Divulgação
Marcelo no treino da Seleção em Sochi Foto: Lucas Figueiredo / CBF/Divulgação

É bom abrir o olho.

Até as paredes sabem que o Brasil entra em campo, amanhã, para encarar a Bélgica, como favorito. Entretanto, se alguém acha que a adversária será igual ao que foi contra o Japão, marcando frouxo, em ritmo de treino, pode tirar o cavalo da chuva.

Não é nada difícil adivinhar que o time do técnico Tite terá que seguir defendendo com a eficiência que mostrou até agora, inteligência com a bola nos pés e nervos no lugar.

Se agregar todas as obrigações, o time brasileiro ficará perto de carimbar a vaga à semifinal.

SOFRIMENTO – Como já era esperado, Franca, Uruguai, Brasil, Bélgica, Rússia, Croácia, Suécia e Inglaterra tiveram que fazer força para superar seus adversários.

Pelo que se viu, tudo indica que as decisões de amanhã e sábado serão ainda mais competitivas.

Assim mesmo, não é proibido dizer que França, Brasil, Rússia e Inglaterra são leves favoritos.

Perguntinha

Como será o Uruguai sem Cavani?

 

Vídeos recomendados para você

 
 
 
 
 
 
Diário Gaúcho
Busca
clicRBS
Nova busca - outros